Fechar Página

Alberto Peixoto
     Antonio Alberto de Oliveira Peixoto é um escritor feirense com um talento especial para descrever o dia a dia do comportamento humano, e conhece como poucos as nuances da realidade feirense, dono de uma visão crítica sagaz e um poder de observação raro que, normalmente, reflete com muito bom humor em sua literatura.
      O Escritor nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, como contam os relatos a seus respeito, como a maioria das crianças, de nossa região, naquele tempo, gostava muito de caçar com estilingue, subir em árvores, tomar banho de riacho e jogar bola (dizem que depois do Flamengo, sua maior paixão). Aos 17 anos foi para Salvador, onde graduou-se em Engenharia Eletromecânica pela Escola de Engenharia Eletromecânica da Bahia, cursou Administração de Empresas na UCSal – Universidade Católica de Salvador. Ainda jovem, porém já muito responsável, contraiu matrimônio aos 21 anos com a Sra. Wanuzia Just e dessa união nasceram os seus três filhos, Luciana, Renata e João Paulo.
      Alberto Peixoto é funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Agente de Tributos Estadual), mas também dedica-se de corpo e alma a literatura, de modo que é autor de diversos livros, alguns de muito sucesso, a exemplo de “A Difícil Vida Fácil” entre outros. Escreve contos, crônicas e romances, já tendo publicado: “Estórias que Deus Duvida”, Ed. Scortecci/SP-2004, “O Enterro da Sogra”, Ed. Òmnira/BA-2006, “Único Espermatozóide”, Ed. Òmnira/BA-2008, também participou das coletâneas “www.versos&contos.com.br”, “Comuniconteporaneidade”, ambos da Ed. Òmnira/BA-2005 e “Bahia de Todos em Contos”, Vol. III, Ed. Òmnira/BA-2008. É articulista do Jornal Grande Bahia, Boca de Forno News e atualmente do Viva Feira, onde escreve sobre assuntos diversos.
      Como conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, faz um trabalho sócio-cultural em favor de comunidades carentes em Salvador, Feira de Santana e Santo Antônio de Jesus. Membro da ALER – Academia de Letras do Recôncavo – ocupando a cadeira de número 26 e da Academia Feirense de Letras.
      Alberto Peixoto mantêm também uma coluna no Jornal da Chapada, onde ele escreve sobre assuntos diversos e é membro fundador da GEUCIC (Grupo de Estudos Ufológicos e Científicos da Chapada Diamantina) onde exerce atualmente o cargo de Vice-Presidente.
Como afirmam os amigos e admiradores: Alberto Peixoto, é uma grande personalidade, um excelente amigo e de caráter ímpar, um bom feirense, sempre ligado na nossa realidade com uma visão crítica e quase sempre bem-humorada! (Viva Feira – janeiro de 2024)





O TER ANTES DO SER


Publicado em: 25/02/2024 - 23:02:44


Imagem Freepik
Imagem Freepik
.    A sociedade contemporânea é definida por uma sucessão de transformações impulsionadas pela urgência e pela falta de certezas, ao mesmo tempo em que se mantém constantemente conectada ao universo produtivo. Atualmente, estamos presenciando uma diversidade de modificações sociais, políticas, econômicas e culturais que se desenvolveram ao longo do tempo. Trata-se de um conceito abrangente que compreende diferentes facetas da vida em comunidade.
    A expressão "ter antes do ser" é muitas vezes usada para criticar a sociedade contemporânea, que valoriza mais as posses materiais do que os valores humanos. Ela sugere que, ao invés de se preocupar em ser uma pessoa melhor, mais solidária e mais humana, muitas vezes nos preocupamos em ter coisas como carros, roupas, celulares e outros bens materiais.
    Esta mentalidade pode levar a uma vida vazia e superficial, onde o consumo é mais importante do que a qualidade de vida. É importante lembrar que as posses materiais não trazem felicidade duradoura e que os verdadeiros tesouros da vida são nossos relacionamentos, nossas experiências e nossas realizações pessoais.
    Por isso é necessário refletir sobre nossas prioridades na vida e dar mais valor ao que realmente importa. Devemos nos esforçar para sermos pessoas melhores a cada dia, cultivando valores como empatia, generosidade, honestidade e respeito ao próximo. Quando colocamos o ser antes do ter, estamos construindo um futuro mais humano e mais feliz para todos.

Essa matéria foi também publicada no "Boca de Forno News"



Fonte: Alberto Peixoto







Página de 6

| | | | |
Próxima ->





© 2024 - Todos os direitos reservados - www.vivafeira.com.br