menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Alberto Peixoto
-Emanoel Freitas
-Luís Pimentel
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandro Penelú
 
 
 
CLIMA DE DESCONTRAÇÃO MARCA O ARRASTA-PÉ DA IMPRENSA


Publicado em: 17/06/2024 - 23:06:29

    "Alexa" desligou a saudade,  e o verbo curtir foi bastante conjugado na segunda edição do  Forró Imprensado,  que ocorreu na noite da  sexta-feira (14), no bar Bendito, no Ville Goumert, em Feira de Santana.
    O evento foi abrilhantado pelas atrações  Cia de Teatro Ser´Eus, banda Axeffona e  o cantor Gil Marques, além da outorga do Troféu Imprensado a 10 comunicadores (Valdomiro Silva, Leon Vanderley, Kenna Martins, Karoliny Dias,  Andréa Trindade, Sílvio Tito, Hamurabi Dias, Rosalvo Filho, Marco Leão e Lorenna Nascimento), em reconhecimento pela dedicação,  credibilidade e inestimáveis serviços prestados à comunidade feirense.
    A festa foi prestigiada por um expressivo número de  profissionais da Comunicação Social, artistas, empresários, autoridades políticas  e entre outros representantes da sociedade,  que arrastaram os pés no salão,  asseverando que o forró está enraizado na cultura da Princesa do Sertão.

EM BREVE UM CENTO DE FOTOS DO EVENTO!


AUTORIA: Release da Ascom do Gupo Imprensados Fsa



CUCA FAZ CHAMADA PÚBLICA PARA ORGANIZAÇÃO E REALIZAÇÃO DO BANDO ANUNCIADOR 2024


Publicado em: 11/06/2024 - 15:06:54

    Reconhecendo as dimensões e cientes da complexidade das demandas que envolvem o Bando Anunciador, a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), por intermédio do Centro Universitário de Cultura e Arte, convida V.S.ª para as reuniões preparatórias a respeito da realização deste evento que acontecerá no dia 7 de julho de 2024. Os diálogos dizem respeito ao percurso, questões de segurança e demais assuntos pertinentes.
    Público-alvo: Representantes de órgãos municipais e polícia militar, artistas, produtores culturais, imprensa, entidades de classe, demais segmentos que tenham interesse no fomento ao Bando Anunciador.
Data: 13 de junho.
Horário: 14:00.
Local: Sala 11 do Centro Universitário de Cultura e Arte.

Público-alvo: Representantes dos bairros e dos bandos de Feira de Santana.
Data: 13 de junho.
Horário: 19:30.
Local: Sala 11 do Centro Universitário de Cultura e Arte.

AUTORIA: Release da Ascom da UEFS



JUNHO TEM MUITAS ATRAÇÕES RESERVADAS PRA VOCÊ NO CENTRO CULTURAL SESC FEIRA DE SANTANA


Publicado em: 01/06/2024 - 23:06:51

CONFIRA:
Cine Sesc – Curta metragem as aventuras de Tita   

Data: 05/06/2024
Horário: 10h e 14h 
Local: Teatro (Centro cultural e restaurante) 
Valor: Gratuito
Duração: 11 minutos
Direção: Eduardo Padrão
Sinopse:  Tita é a filha caçula de Lavareda, um caçador respeitado da região do Velho Chico. Pai coruja, era sempre visto ao lado de Tita. De tanto caçar, prender e vender passarinhos, recebeu um castigo da mãe natureza: teve sua filha amada enfeitiçada e transformada numa linda e rara ararinha azul. Agora Tita viaja pelo mundo, cantando, encantando e fugindo de caçadores. Tita fez muitos amigos como o bode Dudé - seu amigo fiel - Cascudo - um tatu bola - Timbum - um Peixe pintor, e por onde passava deixava amigos, músicas e boas histórias. Lavareda agora luta para desvendar o mistério e trazer sua filha para perto. Para isso, terá que plantar árvores, destruir armadilhas e preservar o meio ambiente para manter viva e perto sua amada filha, e quem sabe, ser perdoado e ter de volta a Tita em seu lar.

Espetáculo “Partiste”
Data: 06/06/2024
Horário: 19h
Local: Teatro (Centro cultural e restaurante) 
Valor: R$ 10 e R$ 5 (Cliente Sesc e meia)
Sinopse: 
O espetáculo “Partiste” traz o cotidiano de uma família interiorana e suas questões. No interior da Bahia, uma mãe e seus três filhos vivem cotidianamente a dor da saudade de Jairo, quarto filho da matriarca que foi morar em São Paulo. Essa é a atmosfera da peça teatral Partiste que volta aos palcos em uma nova versão, com direção de Icaro Bittencourt. O público verá em cena um ambiente simples familiar, mas com tramas geradoras de muita reflexão. Personagens que tem que lidar com a morte, com o ir embora e com o luto, mas aqueles que ficam seguem se cuidando.
Vencedor do Prêmio Braskem de melhor texto em 2010, o espetáculo ganhou outra vida com a versão de Icaro Bittencourt que realiza a direção, produção musical e cenário. 

Show Kareen Mendes
Data: 07/06/24
Horário: 18:30h 
Local: Café-teatro (Centro cultural e restaurante)
Valor: R$2,00 (inteira) e R$1,00(meia e cliente sesc)
Sinopse:
A cantora e compositora Kareen Mendes é cidadã soteropolitana, feminista, baiana e apaixonada pela cultura popular brasileira; Karen iniciou sua carreira muito jovem por incentivo da família e amigos, a partir disso já podemos contabilizar mais de 25 anos de carreira profissional. 
Atualmente Kareen Mendes é graduada em Licenciatura em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS. Seu primeiro EP, Passeio foi lançado em 2023 assim como os singles Carne Nobre e Longa Estrada.  Em 2022 lançou o EP Basta só desejar, onde traz 5 músicas autorais escritas durante a pandemia. Ambos os EPS estão disponíveis nas plataformas digitais.
Seu trabalho como cantora tem influências também de Gal Costa, Marisa Monte, Vanessa da Mata, Elba Ramalho, Alceu Valença, Zé Ramalho, Flavio José. Como compositora as influências da artista, além da MPB tem fortes ingredientes regionais, e muita baianidade quando se trata de samba.
O show que Karen realizará no Sesc Feira Centro no mês de junho será voltado para os festejos juninos pretendendo fazer um passeio pelo forró pé de serra, baião, Xote e Xaxado. O show também trará canções autorais e de cantores como Elba Ramalho, Luiz Gonzaga, Zé Ramalho, Limão com Mel Mastruz com leite, entre outras.

Espetáculo “Os Rais Varia”
Data: 09/06/2024
Horário: 10h30min
Local: Teatro (Centro cultural e restaurante) 
Valor: R$ 2 e R$ 1 (Cliente Sesc e meia)
Sinopse: 
Os Palhaços Sirikita e Sujeitão saúdam a todos com o Samba de Roda num rito popular de abertura. Os 3 R ´s, um número carregado de informação sobre os resíduos sólidos com muita trapalhada acrobática. O Mágico Sujeitão, o mais falcatrua da região aparece com seus truques que desafiam as leis da mágica. A adestradora Sirikita surge com seu maior desafio, adestrar o animal mais perigoso do mundo, será possível? Com seu berimbau de lata na mão Sirikita convoca a todos pra celebrar a roda da vida neste espetáculo virtuoso e questionador.

 
Marcia Porto
Data: 14/06/24
Horário: 18:30h 
Local: Café-teatro (Centro cultural e restaurante)
Valor: R$2,00 (inteira) e R$1,00 (meia e cliente sesc)
Sinopse:
A cantora e compositora Marcia Porto iniciou sua carreira artística muito jovem. Nos anos 90 foi vocalista do trio elétrico Brilhaê que realizava apresentações musicais na Micareta de Feira de Santana, posteriormente foi considerada a revelação em micaretas e carnavais do interior da Bahia.
Iniciou sua carreira solo em 1994, gravou seu 1º LP e CD intitulado “Minhas Palavras”, e participou de duas coletâneas importantes para a época: “Feira swing e cerveja” e Forro da lua 01 e 02. A multi-artista já realizou participações especiais em shows de diversos artistas como Geraldo Azevedo, Del Feliz, Nando Cordel e Marcionílio Prado.
Sua discografia é composta por dezenove cds. Seu repertório é muito versátil sendo composto por musicas de “axé music”, xote, baião e MPB.
A artista também é ativista social, recebeu da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, o Título de Cidadã Feirense, a Medalha de honra ao Mérito e título de comendadora (Comenda Godofredo Filho), trofeu M de Mulher, homenagem especial da Fundação Egberto Costa por serviços prestados a cultura. Márcia é madrinha e divulgadora do Projeto Versos de Mulher, ONG que oferece apoio para mulheres vítimas de violência e de outros projetos sociais do país.

AUTORIA: Release da Coordenadoria d Sesc Centro



ESTUDANTES DE TEATRO DA UFBA REALIZAM INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM ESCOLA


Publicado em: 22/05/2024 - 00:05:12

    Em mais uma ação e atuação prática, estudantes do curso de Teatro da Escola de Teatro, da Universidade Federal da Bahia – UFBA, polo Feira de Santana, tiveram um novo momento de experimentação e aplicação dos conteúdos estudados no curso, que é na modalidade EaD, sendo também uma oportunidade importante para difusão e fortalecimento do curso, bem como de valorização da universidade pública e ensino público.
    Desta vez, os estudantes Antônia Sousa, Gesser Pereira e Roberto Neto, atualmente no 6º bimestre de Teatro, cursando o componente curricular Oficina de Práticas Pedagógicas III, ministrada pela Professora Dra. Carla Souza e sob Tutoria do Professor/Mestre João Victor, realizaram uma intervenção Pedagógica, aplicando no dia 20/05, um tema específico com crianças da Escola Municipal Reitor Edgar santos, localizada na zona rural do município de Santo Estevão -BA, contribuindo na Semana do Brincar da escola.
    Contando com o apoio das aulas, material didático do curso (e-Book), o suporte da Professora e Tutor, bem como da Diretora e Professor Valdeci Bastos, da Coordenadora Pedagógica Professora Adailza Santana, das Professoras Maria Nélia, Neiliane e Rosemi, além de todo o corpo de servidores, os estudantes trabalharam os temas Cidadania, Poluição, Sertão e Meio Ambiente, estimulando a capacidade lúdica, a coordenação motora com desenhos, pinturas e apresentações, sempre com reflexão sobre a realidade geral e local, pondo em prática os conceitos e ações propostas no curso e componente.
    Ainda, fizeram correlações dos conteúdos com a prática docente, o plano de aula e a observação do cuidado na aplicação do mesmo, que pode necessitar de ajustes em realidades diferentes, levando sempre em conta as necessidades dos educandos, utilizando-se também da contação de histórias como meio de estimular imaginação, criatividade e atenção.
    Para Roberto Neto, que já é Professor e Técnico em Teatro, “foi mais uma experiência de grande aprendizado, pois as crianças surpreenderam com os desenhos sobre o meio ambiente, Sertão, de modo que eu pude voltar no passado e lembrar quando iniciei à docência. Já para Gesser Pereira, que é Pedagogo, Coordenador Pedagógico e Contador de história “foi incrível vivenciar uma manhã tão enriquecedora contando história, num ambiente tão acolhedor e educativo”, e para Antonia Souza, Técnica em Teatro “a experiência verdadeiramente gratificante, pois foi a oportunidade de interagir, desenvolver e estimular o desenvolvimento infantil de forma lúdica e divertida”.
    Por fim e muito emocionada, a diretora escolar e Professora Valdeci Bastos afirmou: “somos gratos pela UFBA e por vocês terem escolhido nossa escola para fazerem a intervenção, e por isso, muito obrigado! Voltem mais vezes!”.

AUTORIA: Coordenação de Textos – Estudantes de Teatro Roberto Neto, Antonia Souza Gesser Pereira - UFBA



PROJETO VOLUNTÁRIO LEITURA NEGRA

Projeto Leitura Negra (PLEN) inicia uma Série: Falas e Escritas Negras Encontros com escritoras negras e Escritores negros O primeiro dia - 16/05 - Fiquem atentos

Publicado em: 16/05/2024 - 23:05:44

    O Projeto Leitura Negra – PLEN, realizará no próximo dia 16/0, a partir das 19h, o início da Série: Falas e Escritas Negras, visando promover um maior conhecimento de escritoras negras e escritores negros feirenses, regionais, baianos e nacionais, que já tenham livros publicados ou. .
    Como parte das atividades do PLEN, a série é uma Ação Afirmativa e oportunidade de maior conhecimento dos escritores negros feirenses, sendo o momento inaugurado pela Professora, Educadora, mestranda em Estudos Linguísticos pela UNILAB, atriz no “Ser” Tão Preto Cia de Teatro e representante feirense no Curso: Uma Revolução Chamada Carolina, promovida pela Festa Literária das Periferias, Andrea Mattos.
    Professora Andrea Mattos tem mais de 20 anos atuando na Educação púbica feirense, bem como na educação pública e privada de Amélia Rodrigues, atuando e contribuindo muito na vida de jovens e adolescentes.
    Tem escritos em curso e um trabalho de estudo e pesquisa sobre a escritora negra Carolina Maria de Jesus, muito importante e significativo para o resgate e valorização da mulher negra e de sua escrita negra, por vezes também interpretando-a no Teatro, através da Cia “Ser” Tão Preto, como no espetáculo Abram os Caminhos.
    O encontro será virtual e mediado por Roberto Neto, que é Professor, Técnico em Teatro, Licenciando em Teatro – UFBA, pesquisador do Teatro Feirense e Teatro Negro, idealizador e coordenador do PLEN.

OBJETIVO: objetivo principal da série é promover maior conhecimento dos escritores negros feirenses, regionais, baianos e nacionais, seus modos de escrita e suas obras. Concomitante, promover a aquisição dessas obras afro-literárias, estimular a leitura e difusão, perante editoras, de escritores com temas urgentes para publicação.

PÚBLICO ALVO: escritoras negras, escritores negros e não negros, apoiadores, incentivadores da leitura, editoras em Feira, Bahia e Brasil.

Como participar?
PEDIDNO LINK DE ACEDDO NO CHAT DO @projetoleituranegra, a partir das 18h:30.

Coordenação do PLEN -   Roberto Neto -   Técnico em Teatro, idealizador e coordenador do PLEN, criador e um dos coordenadores do GETTEN, Licenciando em Teatro - UFBA e pesquisador do Teatro Feirense e Teatro Negro.

Projeto Voluntário Leitura Negra
Projeto Afro-Literário de Estudo/Discussão Coletiva
Eixo – Educação Afirmativa e Afro-Literatura - Modelo de Educação Não Formal
Sede do Projeto – Feira de Santana – BA
Coordenação – Roberto Neto
Atividade PLEN


AUTORIA: Release do Projeto Leituras Negras



BOULEVARD SHOPPING CELEBRA 25 ANOS COM PROGRAMAÇÃO ESPECIAL EM FEIRA DE SANTANA

Em homenagem a data, o centro de compras preparou uma super promoção para os clientes

Publicado em: 24/10/2024 - 15:04:25

    Com o título de maior shopping do interior da Bahia, o Boulevard Shopping Feira de Santana comemora, em 2024, 25 anos de atuação na cidade. Fundado em 23 de abril de 1999, o centro de compras é considerado um marco para o comércio da região e, atualmente, conta com mais de 170 operações, incluindo grandes redes e franquias.
    Para comemorar a data, o shopping preparou uma programação especial de aniversário, no dia 23 de abril, buscando festejar o longo relacionamento com os feirenses. Logo no início da manhã, celebrou-se uma missa para convidados onde os funcionários e lojistas com 25 anos de casa foram homenageados. Em seguida, os clientes viveram diversas experiências, com a programação sendo iniciada por meio de uma recepção especial em todas as portarias com entrega de brigadeiros e algodão doce. Durante o dia festivo também foram programadas diversas ações como bandas de jazz, personagens encantados, apresentações musicais e um Happy Hour especial.
    Como ponto alto do dia, o Espetáculo Celebrar fechou a programação com uma apresentação artística com muita música, dança, performances circenses e chuva de balões prateados.
    Superintendente do Boulevard Shopping, Vivianne Freire Esperidião destaca que a programação foi pensada especialmente para as Bodas de Prata com a cidade. “Para nós, é um orgulho imenso poder dividir o dia a dia com a população feirense há mais de duas décadas. Todo o reconhecimento conquistado ao longo desses 25 anos é fruto de um trabalho diário, sempre em busca de oferecer um lugar agradável, seguro e alegre para todos os nossos clientes. Então, nada melhor do que celebrar essa data especial com um dia inesquecível. Estamos sempre comprometidos em trazer o melhor mix e as grandes marcas para Feira de Santana e surpreender os nossos clientes com eventos memoráveis”, afirma.
    Para Edson Piaggio, sócio-empreendedor do Boulevard Shopping Feira de Santana, o empreendimento representa um marco no desenvolvimento econômico e social da cidade. “A história do comércio varejista de Feira de Santana e região está marcada pelos períodos antes e depois da chegada do Boulevard. É com muita alegria e felicidade que estamos comemorando os 25 anos do Boulevard Shopping. O êxito deste empreendimento é o resultado da parceria estabelecida ao longo destes anos com os lojistas, os colaboradores diretos, com as autoridades, com a imprensa e a população de um modo geral”, finaliza.
Promoção especial
    Para além da programação de aniversário, o shopping também preparou uma super promoção, unindo datas especiais como Dia das Mães e Dia dos Namorados. Entre os dias 25 de abril e 12 de junho, os clientes terão a chance de concorrer a dois carros híbridos GWM HAVAL H6 2024.
    A partir de R$ 500,00 em compras feitas nas lojas do Boulevard entre os dias 25 de abril e 12 de junho, os clientes ganham um número da sorte para concorrer aos sorteios. Além disso, as notas geradas por compras feitas entre terças e quintas-feiras valem o dobro da pontuação. Para participar, basta levar os comprovantes fiscais no posto de trocas, que estará localizado em frente à loja Puket. 

Informações à Imprensa  
JULIANA VITAL  -  juliana@comunicativaassociados.com.br
 Tel.: (75) 98176-4824  -   #comunicaçãoagentefaz
Facebook: comunicativa.associados
Instagram: comunic.ativa
www.comunicativaassociados.com.br

AUTORIA: Release da Comunicativa - Juliana Vital
Fotos




EMBRAZOUK 2024: O CONGRESSO VIRA FESTIVAL E TRANSFORMA FEIRA EM UMA CAPITAL MUNDIAL DA DANÇA


Publicado em: 16/04/2024 - 17:04:30

O fervor da dança está prestes a tomar conta de Feira de Santana mais uma vez com o retorno do tão esperado Embrazouk Festival 2024. Entre os dias 3 a 5 de maio, a cidade se tornará o epicentro global da paixão pelo Zouk Brasileiro e Lambada, com uma lista estelar de artistas nacionais e internacionais.
Com uma variedade estonteante de talentos, incluindo renomados dançarinos como Walter e Larissa, Iago e Vanessa, Luan e Adriana, e muitos outros, o Embrazouk Festival promete três dias de celebração intensa da cultura da dança. Esta edição excepcional transforma o tradicional congresso em um festival vibrante, trazendo uma experiência única e enriquecedora para todos os participantes. O evento terá ainda a cobertura audiovisual do renomado profissional norte-americano Makana e do brasileiro Indyo, registrando os momentos que ficam para a história.
A programação dinâmica do festival inclui festas temáticas emocionantes, aulas inspiradoras com mestres renomados, competições acirradas do mundial de Zouk Brasileiro Jack & Jill e a tão esperada Final Embrazouk Challenge, desafio da comunidade. Além disso, como parte do aquecimento para o evento principal, uma pool party eletrizante no feriado de 1º de maio e um workshop especial de preparação para o Jack & Jill irão agitar os ânimos dos participantes.
Os bailes temáticos "Anjos & Demônios", "Brega" e "Micareta" adicionam uma dose extra de diversão e extravagância ao festival, proporcionando momentos inesquecíveis para todos os presentes. 
"O Embrazouk Festival é mais do que um simples evento de dança; é uma celebração da união, da paixão e da diversidade cultural", declara a organizadora Jô Chagas. "Estamos ansiosos para receber dançarinos de todas as partes do mundo para compartilhar essa experiência única e fazer história juntos", completa seu parceiro de sociedade, Viniiel Araújo. 
Esteja preparado para mergulhar em um mundo de ritmo e movimento no Embrazouk Festival 2024. Junte-se a nós e faça parte desta jornada extraordinária.
Detalhes do Evento:
O que: Embrazouk Festival 2024
Quando: 3 a 5 de maio de 2024
Onde: Espaço de Eventos do Restaurante Kilo Grill
Endereço: R. Castro Alves, 1643 - Centro, Feira de Santana - BA, 44001-184
Para mais informações e ingressos: https://embrazouk.com.br/
Contato de imprensa: (75) 99300-2648

CURIOSIDADES DE INTERESSE
Sobre o Embrazouk:
O Embrazouk é um grupo dedicado à promoção e celebração da dança, especialmente do Zouk Brasileiro e Lambada em Feira de Santana e além. Desde a sua fundação, tem como missão conectar dançarinos, promover eventos memoráveis e proporcionar experiências inesquecíveis para a comunidade da dança. Com uma presença cada vez mais impactante no cenário nacional e internacional, o Embrazouk continua a elevar o padrão da dança e inspirar apaixonados por movimento em todo o mundo.
Diferença entre Congresso e Festival:
A diferença entre um congresso e um festival de dança geralmente se concentra na natureza e no propósito do evento. Enquanto um congresso prioriza o aprendizado e o desenvolvimento técnico dos participantes por meio de workshops, aulas e palestras, um festival amplia essa abordagem para incluir uma variedade de atividades de entretenimento, celebração e cultura, como apresentações de artistas, competições, festas temáticas e performances ao vivo. A atmosfera em um festival é mais festiva e vibrante, enquanto um congresso tende a ser mais focado na instrução e na troca de conhecimentos entre os participantes.
Professores de evento x professores locais:
A diferença entre professores de evento e professores locais reside na sua abrangência e conexão com a comunidade de dança. Professores de evento são reconhecidos nacional ou internacionalmente, oferecendo uma variedade de estilos e trazendo técnicas avançadas para enriquecer a experiência dos participantes. Por outro lado, os professores locais têm uma conexão mais próxima com a comunidade, oferecendo consistência, continuidade e suporte individualizado para o crescimento dos alunos ao longo do tempo. Ambos desempenham papéis importantes na cena da dança, inspirando e cultivando talentos, enquanto contribuem para o desenvolvimento e a sustentabilidade da comunidade local de dança. Vale informar a presença de nomes da cena feirense e baiana:  Eduardo e Lara, Jocelia Freire, Cloves e Tracy, Keu Miranda e Marília Santos.
O que é o Jack & Jill:
O Jack & Jill é uma competição de dança popular em muitos estilos de dança de par, incluindo o Zouk Brasileiro e Lambada. Nesta competição, os dançarinos se inscrevem individualmente e são aleatoriamente combinados com diferentes parceiros de dança durante a competição. Os pares não têm a oportunidade de ensaiar juntos antes da apresentação. O objetivo é avaliar a habilidade dos dançarinos em liderar e seguir, adaptando-se a diferentes estilos de dança e parceiros de forma criativa e harmoniosa. O Jack & Jill é valorizado não apenas pela habilidade técnica dos dançarinos, mas também pela sua capacidade de se conectar com diferentes parceiros e expressar a música de forma única em tempo real. É uma competição emocionante e desafiadora que destaca a versatilidade e a improvisação dos participantes. No Embrazouk acontece a competição oficial com notoriedade de títulos em abrangência nacional e, neste ano, com duas novidades:  categoria avançada e all Star.
Embrazouk Challange:
O Embrazouk Challenge emergiu como uma resposta inovadora aos desafios impostos pela pandemia, destacando-se como uma competição pioneira que transcendeu as fronteiras físicas para abraçar o mundo virtual. O desafio começou como uma plataforma de conexão e expressão para dançarinos em tempos de distanciamento social, proporcionando uma oportunidade única para a comunidade global de Zouk Brasileiro e Lambada se unir e compartilhar sua paixão pela dança. À medida que a competição evoluiu, as finais tornaram-se eventos presenciais emocionantes, oferecendo aos participantes a chance de demonstrar suas habilidades e criatividade diante de uma plateia apaixonada. O Embrazouk Challenge não apenas incentiva a excelência técnica na dança, mas também promove valores de colaboração, respeito e camaradagem entre os competidores. Além disso, sua abordagem inclusiva, desde a seleção das músicas até o envolvimento da comunidade na escolha dos vencedores, torna o desafio uma experiência verdadeiramente participativa e enriquecedora para todos os envolvidos. Com repercussão nas redes sociais e um crescente número de adeptos, o Embrazouk Challenge continua a inspirar e unir dançarinos de todo o mundo, fortalecendo os laços e a vitalidade da comunidade de Zouk Brasileiro e Lambada.
Bailes Temáticos:
 Para os bailes temáticos deste ano do Embrazouk Festival, há uma oportunidade emocionante de explorar diferentes estilos e expressões através das roupas. No Micareta, sugere-se trajes vibrantes e coloridos, inspirados no espírito festivo e carnavalesco do primeiro e maior carnaval fora de época que acontece em Feira de Santana, trazendo brilhos, penas e acessórios chamativos para o salão. Já para o tradicional baile "Anjos e Demônios", os participantes podem optar por trajes angelicais, com tons claros, asas, e detalhes delicados, ou por trajes sombrios e misteriosos, com cores escuras, quente, maquiagem dramática e acessórios que remetam ao mundo das trevas. Por fim, para o baile "Brega", a sugestão é abraçar o exagero e a extravagância, com roupas coloridas, estampas chamativas, brilhos exagerados, e acessórios divertidos que celebrem o kitsch e o exótico. Em todos os casos, o importante é se divertir e abraçar a criatividade na escolha do figurino, contribuindo para uma experiência de dança única e memorável.



 




ESTUDANTES DE TEATRO DA UFBA GRAVAM CENAS EM PRAÇA DE FEIRA DE SANTANA


Publicado em: 11/04/2024 - 18:04:50

         Celebrando a oportunidade de poderem colocar em prática os aprendizados adquiridos no componente curricular Teatro de Rua e Espaços Alternativos para a Cena, ministrado no 5º bimestre pelo Professor Dr Licko Turle, com suporte da Professora Tutora Débora Rocha, os estudantes Antonia Sousa, Gesser Pereira, Lissandra Viena, Roberto Neto e Ronaldo Almeida, do Curso de Teatro EaD da Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia – UFBA, realizaram gravação de adaptação feita da Obra – Cordel do Amor sem Fim, da autora Cláudia Barral.
        Num enredo adaptado da obra, que conta a história de amor entre Tereza e Antonio, logo em seguida atravessada pela presença sedutora de José que insiste em paquerar Tereza e de uma jovem chamada Carminha, interessada em José, a adaptação promove e novidade da peça de amor que será naquela praça, incitando a discórdia entre José a Anonio em disputa por Teresa.
        Como cenário, a praça escolhida foi a Praça Fróes da Mota, localizada no centro de Feira de Santana, a qual agrega diversos elementos importantes, como o coreto, pontos de vans, o vai e vem de cidadãos e claro, o casarão da família que é homenageada, na pessoa do coronel Agostinho Fróes da Mota, personalidade feirense importante.
        Movidos pelo desafio proposto pelo componente, os estudantes organizaram os elementos cênicos, figurinos, roteiro feito a partir da adaptação criada pela estudante Antonia, realizando ensaios virtuais e outros presenciais, antes da gravação, visando o trabalho de preparação corporal, vocal, interpretação, além do trabalho de conhecimento do espaço cênico, uma vez que o Teatro de Rua é aberto e possível de diversas variáveis, o que faz com que a atuação tenha boa projeção, concentração dos atores e total relação com o público.
         Num trabalho de direção coletiva, repleto de colaboração e estudo, os estudantes de Teatro inauguraram um novo momento do Teatro e Feira de Santana, o início de muitas outras ações, com muitos dias e horas de ensaios, diálogos, estudos e escritas, pois levaram para as ruas e praças, uma prática até então vista apenas em teatros fechados da cidade, que seguem o modelo italiano onde, o público sentado, está direcionado à um palco onde a cena acontece.
         Desta forma, atendendo a proposta do componente, as gravações feitas levaram em consideração a participação do público, o qual foi receptivo, participativo e amistoso, contribuindo numa das partes da cena, onde deveriam dizer com quem a personagem deveria ficar, o que pode ser visto no vídeo produzido pelos estudantes e que teve direção de gravação de Nélio Alvarenga, responsável pela gravação, edição e fotografias.
        Para os estudantes, foi um momento grandioso, pois possibilitou um estreitamento maior das relações entre colegas, uma prática mais focada e pesquisa aprofundada, bem como o exercício da direção, codireção e criação, afirmou Roberto Neto, um dos membros da equipe!
.

AUTORIA: Release dos Estudantes de Teatro EaD - UFBA



NOSSA HOMENAGEM E REVERÊNCIA ATRAVÉS DA CRÔNICA DE LUÍS PIMENTEL: "TANTOS ZIRALDOS"

Zirado Alves Pinto: "Foi grande, brilhante, enorme em tudo o que fez.", como afirma seu amigo Luís Pimentel.

Publicado em: 08/04/2024 - 15:04:49

     Tive a honra e a alegria de participar ativamente das últimas experiências jornalístico-empresariais que Ziraldo achou por bem inventar, para o bem de tantos: a revista Bundas, o jornal Opasquim21 e a reforma gráfica e editorial do Caderno B do Jornal do Brasil. Em todas elas estive à frente das redações, sob o seu comando.    
     Todas foram sucessos editoriais gigantescos e fracassos financeiros retumbantes.
     Graças a essas experiências – que me trouxeram amizades, jogo de cintura e cabelos brancos – pude viver a dor e a delícia de conviver com o dia a dia de sua casa, seu estúdio e a correria estimulante de redações comandadas por um diretor que era um vulcão humano. E nada poderia trazer mais estímulo profissional a uma pessoa de criação do que ver Ziraldo criando. De aprender com sua inventividade, generosidade, desprendimento.      
     A dor é porque se trata de um trator em movimento, que não permitia quem estava ao seu lado sequer parar para respirar; a delícia porque dessa refrega brotavam, quase sempre, turbilhões de aprendizados. Um dia, vendo Ziraldo riscar um projeto de páginas para a revista, enquanto finalizava uma charge, revisava um texto e montava mais um livro infantil, perguntei:
     – Cara, como é que você consegue produzir tanto?
     E ele, despejando despretensiosamente o ensinamento que guardei, adotei e hoje uso como um mantra:
     – Porque faço, ao invés de ficar pensando em fazer. O tempo que se perde sonhando é o mesmo que se ganha realizando.
     Por isso fez tanto. E tão bem!
     Nascido em Caratinga (MG), em 1932, Ziraldo começou a publicar seus primeiros desenhos no comecinho da década de 1950, em Belo Horizonte, no jornal A Folha de Minas. Em 1955 se integrou à equipe do jornal O Binômio, dirigido pelo bravo José Maria Rabelo, e logo foi chamado para trabalhar no Rio de Janeiro, em O Cruzeiro, onde desenhou, diagramou, escreveu e editou.  Teve carreira meteórica em O Cruzeiro, onde começou como assistente de arte e logo, logo se tornava editor de arte. Por possuir também um temperamento envolvente, foi convidado pela direção da revista a assumir o posto de relações públicas, convite imediatamente aceito pelo mineiro que jamais recusou trabalho.
     Nessa época  nasceu, entre outras criações do talento de Ziraldo, o personagem Saci Pererê (a princípio, apenas um cartum publicado nas páginas da revista). A aceitação do negrinho de uma perna só foi tão grande, que o seu criador resolveu acrescentar toda uma turma de “amiguinhos” para sustentar o Pererê e transformar o personagem em revista em quadrinhos.  A turma do Pererê, que foi às bancas de revistas, em seu primeiro número, no dia 1º de abril de 1964, no dia e hora em que se instalava a ditadura militar no país, foi bancada pela própria empresa que editava O Cruzeiro e teve vida curta.
     A partir daí, o múltiplo Ziraldo dedicou-se á publicidade, às charges diárias que marcaram época na página de Opinião do Jornal do Brasil, a páginas especiais na imprensa, como o Cartum JS (criado por ele no Jornal dos Sports) e à atuação política nas páginas do recém-nascido Pasquim, no final da década de 1960. Além da A turma do Pererê, criou personagens emblemáticos do humor brasileiro, como Jermias o Bom, Mineirinho, o Come Quieto, Supermãe e tantos outros.
     O nome de Ziraldo está, há algum tempo, fortemente ligado à literatura infantil – atividade na qual já brilha com mais de 100 títulos lançados. O primeiro sucesso foi com a obra Flicts, uma alegoria poética e supercolorida sobre as cores e suas possibilidades, e o mais permanente é o best-seller O menino maluquinho, que já vendeu mais de 2 milhões de exemplares e foi traduzido para uma meia dúzia de idiomas.
    Admirado por algumas gerações de artistas e de curtidores do humor, Ziraldo é considerado um mestre por vários cartunistas. Publicou em revistas estrangeiras e escreveu para teatro, cinema e televisão. Sempre com garra, originalidade e um talento espantoso. Foi grande, brilhante, enorme em tudo o que fez.

AUTORIA: Luís Pimentel



Mais Notícias

A simpática e talentosa cantora Talitha Costa, dona de uma das vozes mais afinadas, enc...

A OCUPAÇÃO é um movimento que surge da inquietação e necessid...

Com imenso amor, alegria e orgulho, compartilho este texto dedicado a Ana Beirão, conheci...

No último final de semana (19 e 20, sábado e domingo), o povoado de Socorro, no di...

O Ato da Consciência Negra em Feira de Santana, realizado na Praça da Alimenta&cc...

Uma das mais antigas e tradicionais festividades em homenagem a figura do vaqueiro no munic&iacu...

No último dia 10/11, aconteceu na sede do INED/UFRB, no bairro SIM, o lançamento d...

Bata de Feijão, vamos todos começar Os Homi pra bater As mulher pra biatar. ...

    Um dos homenageados da 16ª Edição da Feira do Livro / Festi...

    Feira de Santana, segunda maior cidade do Estado da Bahia, 34º mais popul...


Página de 32
| | | | |

 

Apoio Cultural:


© 2024 - Todos os direitos reservados - www.vivafeira.com.br