menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-Luís Pimentel
-Maiara Angels
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
PROGRAMA GRATUITO DE ATENDIMENTO EMPRESARIAL TEM INSCRIÇÕES ABERTAS

Há vagas em Feira de Santana, Itaberaba, Euclides da Cunha e na região do sisal; o Negócio a Negócio auxilia nas principais dificuldades do empreendedor, propondo soluções personalizadas

Publicado em: 21/06/2017 - 09:06:53

    Para facilitar o atendimento a microempresas e microempreendedores individuais (MEI) e propor um ciclo de melhorias, estimulando a sustentabilidade dos pequenos negócios, o Sebrae oferece um programa no qual a instituição vai até o empresário. Estão abertas inscrições para participar do Negócio a Negócio (NAN), que trabalha com visitas gratuitas, orientação empresarial personalizada e objetiva, indicando as soluções mais adequadas para a realidade de cada negócio, a partir das dificuldades que o gestor encontra no dia a dia. Em menos de três meses, 900 empresas já foram atendidas na região - e ainda há vagas.
    “Estimamos atender mais de 2,7 mil microempresas e microempreendedores individuais neste ciclo”, conta José Raimundo Carneiro, técnico do Sebrae Bahia em Feira de Santana. Para realizar esse trabalho, estão sendo disponibilizados 13 Agentes de Orientação Empresarial, que atendem aos municípios de Feira de Santana, Euclides da Cunha e Itaberaba, além da região sisaleira, agregando os municípios de Conceição do Coité, Serrinha, Queimadas, Valente, Araci, Teofilândia, Barrocas, São Domingos, Retirolândia e Santaluz.
    Os interessados em participar do NAN podem procurar um ponto de atendimento do Sebrae ou ligar para a Central de Relacionamento Sebrae, no 0800 570 0800, informando que desejam receber uma visita do programa. O atual ciclo de atendimento se encerra em dezembro, então novas empresas podem ser atendidas até o final de novembro, já que cada empresa recebe duas visitas, com um intervalo de 15 dias entre elas.
    Outras informações podem ser obtidas nos pontos de atendimento do Sebrae. Em Feira de Santana, o ponto é localizado na Rua Barão do Rio Branco, 1225, Centro, e tem o telefone (75) 3221-2153. Os empreendedores de Euclides da Cunha podem ser atendidos na Rua Dom Jackson Berenguer, 325, Centro, ou no telefone (75) 3271-2010. E o ponto de atendimento em Itaberaba fica na Rua Rubens Ribeiro, 253, Centro, com o contato (75) 3251-1023.
    Como funciona o Negócio a Negócio
    São duas visitas anuais realizadas pelo Agente de Orientação Empresarial. Na primeira, ele irá aplicar um diagnóstico empresarial para identificar quais ferramentas são as mais indicadas para implantação no empreendimento. As opções são classificadas dentro dos cinco temas de gestão: Finanças, Mercado, Planejamento, Organização e Pessoas. Como resultado do programa, as empresas atendidas apresentam um índice de satisfação superior a 80%.
    Na segunda visita, o agente retorna à empresa para apresentar o resultado do diagnóstico e orientar sobre a aplicação das ferramentas indicadas. Ele irá também apresentar o desempenho da empresa em relação ao mercado em que atua. O agente também irá informar ao empresário sobre as outras opções de atendimento e ferramentas que o SEBRAE disponibiliza, como o Radar Sebrae, consultorias a distância e informações através da Central de Relacionamento, no telefone 0800 570 0800.
    E há uma inovação neste contato entre agentes e empresas este ano: a possibilidade do empresário avaliar o atendimento do Agente. Isto é, o empresário vai receber uma ligação da Central de Relacionamento ou mensagem via SMS para avaliar o atendimento e propor sugestões de melhoria.
    Cenário e a necessidade de conhecer a empresa
    As empresas, nos dois primeiros anos, são mais sensíveis ao fechamento e algumas das principais causas para isso estão associadas ao desconhecimento dos hábitos de consumo dos clientes, do seu produto, do ambiente no qual a empresa está inserida e à ausência de um plano de negócio prévio.
    Um estudo do Sebrae aponta que, das empresas que fecham nos dois primeiros anos, mais de 60% não fizeram um processo de planejamento real e não procuraram ajuda de pessoas ou instituições para dar início a essa jornada. Além disso, segundo a pesquisa, 46% dos empresários não sabiam o número de clientes e o hábito de consumo de seu público ao empreender. Outros 38% não sabiam o número de concorrentes que teriam e 37% não tinham conhecimento da melhor localização.

AUTORIA: Release de Vívian Rodrigues



LUNA SPICES: VENTRE E TRIBAL SHOW


Publicado em: 16/06/2017 - 17:06:22

    Neste sábado, 17 de Junho às 19:00h no Margarida Ribeiro tem Luna Spices: Ventre e Tribal Show. O Luna Spices traz uma noite de encantamento e magia onde você poderá assistir o melhor da Dança do Ventre e Tribal em Feira de Santana. Todo mistério da lua revelado numa linda noite oriental!
    Com elenco formado por Bia Vasconcelos, seus alunos do CUCA, Centro de Cultura Maestro Miro, Bia Vasconcelos Centro Artístico e Cultural e convidados especiais, o Show abre a temporada de apresentações orientais de 2017 cuja culminância se dará com O Oriental Fair: Festival de Dança Bahia/ Brasil.
    OS INGRESSOS SERÃO VENDIDOS NO DIA DO EVENTO, NA BILHETERIA DO TEATRO MARGARIDA RIBEIRO A PARTIR DAS 17:00H
   
    SERVIÇO:
    Luna Spices: Ventre e Tribal Show
    Onde: Teatro Margarida Ribeiro Margarida Ribeiro
    Quando: 17 de Junho (sábado)
    Horário: 19:00 horas
    Entrada: R$ 10,00 | Ingressos à venda no dia do evento, na bilheteria do Teatro Margarida Ribeiro, a partir das 17:00h
    Informações: Zap (75) 99136-4131 | biavasconcelosdance@gmail.com


AUTORIA: Bia Vasconcelos



EXPOSIÇÃO COLETIVA – 13.06.2017


Publicado em: 12/06/2017 - 10:06:10

    Um dia depois dos dias dos namorados, nesta terça-feira (13/06), às 19h, os feirenses amantes da arte têm uma oportunidade de prestigiar a abertura da exposição coletiva de três artistas baianos no Museu de Arte Contemporânea (MAC). A exposição marca o encontro de três diferentes trajetórias e formas de ver o mundo a partir da arte. A seguir, algumas informações sobre os artistas.
    RICARDO JERÔNIMO, ou apenas Jerônimo, como gosta de ser chamado, nasceu em Feira de Santana e atualmente mora em Ibicoara, Chapada Diamantina. Com 43 anos de carreira, realizou mais de 30 exposições em Feira de Santana, Salvador e outras cidades do interior. Versátil, Jerônimo transita por diversas técnicas, como pintura, escultura, bico de pena, carvão, pastel e xilogravura. Suas esculturas tem um forte territorialismo, com destaque aos povos nordestino, indígena e negro. Já suas pinturas, sempre cheias de vitalidade, mesclam o figurativo estilizado e a completa abstração.
    LUIZ RAMOS, natural de Alagoinhas, é um veterano em exposições, tendo mostrado seus trabalhos no MAC, no Instituto Goethe, na Aliança Francesa, no Museu de Arte, dentre outros. Na 3° Bienal da Bahia (2014), Luiz expôs aquarelas feitas em tecidos, contando com a intervenção das bordadeiras da região do agreste baiano. Ele se define como um artista que busca a harmonia do homem com a natureza. E tem os mananciais de água doce como um dos princípios temáticos. Luiz se expressa por meio de diversas técnicas, sendo a aquarela uma de suas expressões prediletas.
    DANIELA NORONHA nasceu em Ilhéus e reside de Feira Santana. Ela expôs seu trabalho em diversos eventos na cidade, como na 2° Feira Feminista - Empoderarte (2017). O material usado por Daniela é variado, incluindo lápis de cor, nanquim, giz pastel, tinta PVA, aquarela e tecido. Seus desenhos (como ela prefere chamar ao invés de pinturas) sempre trazem a figura de uma mulher nua. Mesmo quando mostram apenas um rosto ou uma silhueta, parece que estamos diante de uma pessoa nua. Suas mulheres têm uma tônica na melancolia, em contraste com o colorido e com a força dos seus desenhos.

    O QUE: Exposição Coletiva
    QUANDO: 13 de Junho de 2017, às 19 Horas
    ONDE: Museu de Arte Contemporânea
    QUANTO: Entrada gratuita

AUTORIA: Museu de Arte Contemporânea



PROJETO ORI REALIZA RODA DE CONVERSA SOBRE GESTÃO CULTURAL E ECONOMIA CRIATIVA NO MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA


Publicado em: 06/06/2017 - 09:06:07

    No dia 10 deste mês (sábado), o Museu de Arte Contemporânea, de Feira de Santana, receberá profissionais de cultura, a partir de 08h30, para realizar uma roda de conversa gratuita e aberta ao público, sobre as temáticas de Gestão Cultural e Economia Criativa. A iniciativa, denominada “Diálogos” é um desdobramento do Projeto Ori, do Instituto IRIS, que vem contemplando atividades de formação cultural para jovens negros da cidade e região.
    A frente da iniciativa estão também as produtoras culturais Maylla Pita e Aloma Galeano, ambas professoras do Projeto Ori, cujas disciplinas ministradas contemplaram os campos de Gestão Cultural e Economia Criativa. A ideia surgiu após realização das aulas e dos debates suscitados ao longo de 16h em sala com os alunos do projeto. “Trata-se de realizar um intercâmbio com profissionais atuantes das áreas, de modo que se perceba, a partir dos relatos e exemplos, as interessantes experiências e vivências do cotidiano da cultura”, diz Aloma Galeano. Para diz Maylla Pita “Este é um momento importante no processo formativo dos alunos do curso, por viabilizar um cruzamento entre as abordagens teóricas feitas em sala de aula e o repertório técnico e especializado dos profissionais convidados para a roda de conversa”.
    Na ocasião, tanto a turma de alunos do Projeto, quanto a comunidade feirense, poderão perceber formas possíveis de atuação no mercado a partir das vivências representativas no cenário cultural da cidade. Dentre os convidados da Roda de Conversa, estão Juliana Almeida (NEOJIBÁ) que abordará sobre gestão social, Henrique Motté (Cia Cuca de Teatro) que relatará as experiências e projetos da Companhia ao longo desses anos, Wendel Fernandes (Feira Coletivo) que trará o contexto da economia criativa associada aos festivais desenvolvidos pelo Coletivo e Milena Lopes (Agridoce) que fará um relato sobre a experiência da loja colaborativa Agridoce sediada em Feira de Santana.
    Sobre o PROJETO ORI
    Iniciativa que tem como público alvo jovens negros e pardos de 19 a 30 anos, que tenham ideias de como impactar positivamente as suas comunidades, interessados e ligados ao movimento negro e cultural. O Projeto está em cinco territórios da Bahia: Feira, Salvador, Ilhéus, Conquista e Santo Amaro, com apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia. Conta ainda com a parceria da Fundo Baobá, Instituto Brasileiro da Diversidade (IBD), Instituto Cultural Steve Biko, Instituto Mídia Étnica, Colégio Polivalente de Feira de Santana, Boulevard Shopping de Feira, Casa do Samba, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Universidade Federal da Bahia, Faculdade de Educação da UFBA, Universidade Estadual de Santa Cruz, Teatro Popular de Ilhéus, Fundação Cultural de Ilhéus, e Núcleo Territorial de Educação – 20 de Vitória da Conquista.
    Sobre o Instituto IRIS
    O Instituto IRIS | Instituto de Responsabilidade e Investimento Social tem mais de 18 anos de atuação potencializando a transformação de crianças, adolescentes e jovens para a formação cidadã e de gestores para a prática da responsabilidade social, e do investimento social através da criação e desenvolvimento de tecnologias sociais, especialmente ligadas ao campo da arte-educação, visando à geração de oportunidades de crescimento social de crianças e adolescentes, em conjunto com a escola, a família e a comunidade.
    O QUE: DIÁLOGOS - GESTÃO CULTURAL E ECONOMIA CRIATIVA EM FEIRA DE SANTANA
    QUANDO: 10/06 (SÁBADO)
    ONDE: MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA (MAC)
    HORA: 08H30
    ENTRADA FRANCA

AUTORIA: Museu de Arte Contemporânea



ACERVO ITINERANTE DO MUSEU GEOLÓGICO DA BAHIA VISITA O PARQUE DO SABER


Publicado em: 01/06/2017 - 15:06:48

    No salão de exposições do Museu Parque do Saber, 11 fragmentos de meteoritos que compõem o acervo itinerante do Museu Geológico da Bahia estão sendo expostos.  Na manhã de hoje (01), o Físico Dr. Marildo Pereira visitou a mostra e conversou com estudantes que também estiveram presentes.
    “É muito comum que meteoros atravessem a atmosfera da terra. O interessante é que estes objetos chegam aqui revestidos de substâncias químicas produzidas após explosões de estrelas. Como cobre, amônia e  ferro. Por isso, os meteoritos trazem várias informações sobre o início da formação do sistema solar e das características de espaços específicos do universo”, disse o físico.
    A estudante de Pedagogia da Universidade Estadual de Feira de Santana, Fabiana Silva, visitou o Museu Parque do Saber nesta manhã para, junto com a sua turma, perceber as potencialidades do Museu no âmbito educacional. “É um espaço interessante que proporciona conhecimento além das salas de aula e que consegue desconstruir o olhar simplista que a gente tem sobre as coisas. Com os meteoritos, por exemplo, acreditava que eram simples pedras vindas do espaço. Mas não é só isso! Agora sei que existe uma complexidade e ciência por trás desses objetos”, revelou.
    Segundo o diretor de Difusão Científica da Fundação Cultural Egberto Costa, Basílio Fernandez, que coordena o Museu Parque do Saber, “a exposição faz parte das atividades realizadas em comemoração à Semana Nacional de Museus. “É uma exposição de meteoritos que naturalmente trazem ao nosso planeta de forma espontâneas evidências da formação do sistema solar e consequentemente da nossa história”, revelou.



AUTORIA: ASCOM FUNTITEC



DO ONLINE PARA O OFFLINE MOHZAH APRESENTA O SHOW MINGUANTE


Publicado em: 30/05/2017 - 10:05:21

    O cantor e compositor Mohzah apresenta na próxima sexta-feira, 02 de junho, o show “Minguante” a partir das 20 horas no Teatro do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca) em Feira de Santana.
    A apresentação é um desdobramento do álbum, de mesmo título, lançado digitalmente em março deste ano e que revela um Mohzah em nova fase, explorando melodias contemporâneas sem abandonar as influências populares, desenvolvendo uma sonoridade minimalista e detalhista, flertando com uma nova MPB.
    Desenvolvido como uma caixa de memórias e vivências, “Minguante” é uma jornada pelo universo de Mohzah. O álbum passeia pelo amor e suas diversas faces: desde o amor carnal, passando pelo amor fraterno, o amor paterno até o amor próprio e é essa mensagem que ele vem ratificar no show.
    Um convite para tornar as experiências e sentimentos ainda mais vivos através da música. O show “Minguante” é uma produção da RUFFO e do Feira Coletivo Cultural.
       
    SERVIÇO
    O QUE: Show MINGUANTE
    QUEM: Mohzah
    ONDE: Cuca – Centro Universitário de Cultura e Arte
    QUANDO: Sexta-feira, dia 02 de junho, às 20 horas
    QUANTO: Antecipados: R$ 10,00 e no dia: R$ 15,00
    Produção e Realização: RUFFO e Feira Coletivo



AUTORIA: Elsimar Pondé



COSMONAVE – TEATRO DO OBJETO


Publicado em: 24/05/2017 - 11:05:03

    A peça teatral “Cosmonave”, roteirizada pelo ator José Arcanjo será apresentada nos dias 25, 26 e 27/05, às 20 horas, no Museu de Arte Contemporânea de Feira de Santana. O trabalho sobre a criação do universo exibida por meio de objetos animados contribui para uma visão artística sobre a origem do mundo e as mudanças da natureza causadas pelo homem, a partir das etnias formadoras do povo brasileiro.
    Sinopse: Cosmonave é uma fábula da criação do universo contada por objetos, a partir de fragmentos de mitos das três principais etnias formadoras do povo brasileiro: o índio, o português e o africano, além de fatos científicos. A narrativa começa com as fagulhas que desencadeiam a explosão da matéria cósmica inicial que deu origem à expansão do universo, consequentemente, à formação da terra e o surgimento dos seres vivos, terminando com a modificação da natureza provocada pelas ações humanas.
    O QUÊ: Apresentação da peça teatral “Cosmonave – Teatro do Objeto”
    QUANDO: DIAS 25, 26 E 27 DE MAIO, ÀS 20HS
    ONDE: MAC (Museu de Arte Contemporânea) – Feira de Santana
    QUANTO: Exibição gratuita.
    Contato: José Archanjo – 75 99112-4258

AUTORIA: Museu de Arte Contemporânea



LANÇAMENTO DO FILME DOCUMENTÁRIO SUSPIROS DE UM TROVADOR


Publicado em: 16/05/2017 - 15:05:14

    O filme documentário “Suspiros de um Trovador”, dirigido pelo produtor musical e documentarista Marcelo Rabelo, estreia nos dias 26 e 27/05, às 18 horas no Mercado de Arte Popular e no Museu de Arte Contemporânea em Feira de Santana e no dia 02/06/16, às 15hs no Centro de Cultura de Jequié em Jequié, dentro da programação da Feira Literária e em comemoração ao centenário de Rodolfo Coelho Cavalcante. O filme foi patrocinado pela Secult/Fundo de Cultura e foi produzido pela Associação Sociocultural Umbigada. Com este trabalho sobre a vida e obra de Rodolfo Coelho Cavalcante, estamos contribuindo para a preservação e desenvolvimento da arte e cultura brasileira e, em especial, da memória tradicional nordestina.
    Sinopse: Sinopse: Suspiros de um Trovador é um filme documentário que revela a vida e obra do poeta popular alagoano Rodolfo Coelho Cavalcante (1917-1986). Seu filho e cordelista, Isaías Cavalcante – Ismoca, persegue sua vida pela Bahia, Alagoas e Rio de Janeiro e vivencia sua obra literária, seja declamando poesias, lendo cordéis, negociando livretos nas feiras, ruas e também reencontrando amigos e poetas.
    Rodolfo Coelho Cavalcante - Nasceu em 12 de março de 1917, na cidade de Rio Largo/Alagoas. Muito jovem, saiu da casa dos pais, viajando pelo Norte e Nordeste, quando exerceu os ofícios de palhaço, propagandista e folheteiro. No Piauí, conheceu Ilda Maria Cavalcante, com quem se casou. Veio para Salvador em 1945 e faleceu em 8 de outubro de 1986, aos 67 anos. Ao longo de sua vida, publicou livros de poesia e mais de 2.000 folhetos de cordel. O poeta e cordelista tornou-se reconhecido nas ruas pela destreza de sua trova e pelo modo peculiar de se vestir como mestre de cerimônia, em traje completo, com gravata, paletó e colete. Foi um articulador nato e militante da causa dos cantadores e trovadores. Em 1955, junto com outros trovadores, realizou o I Congresso Nacional de Trovadores e Violeiros, quando foi fundada a Associação Nacional de Violeiros e Trovadores. Fundou os periódicos O Trovador, A voz do trovador e Brasil Poético, além de algumas instituições culturais importantes, como a Ordem Brasileira dos Poetas da Literatura de Cordel, que neste ano completa 40 anos de existência.
 
    SERVIÇO:
    O QUÊ: Lançamento do documentário “Suspiros de um Trovador”
    QUANDO:
    DIA 26/05/17 ÀS 18HS
    LOCAL: Mercado de Arte Popular – Feira de Santana
    DIA 27/05/17 ÀS 17HS
    LOCAL: MAC (Museu de Arte Contemporânea) – Feira de Santana
    DIA 02/06/17 ÀS 15HS
    LOCAL – Centro de Cultura de Jequié (Felisquié) – Jequié
    QUANTO: Exibição gratuíta.
    Contato: Marcelo Rabelo – 71 99194-0206 Odilon Sérgio – 98782-4538



AUTORIA: Release de Marcelo Rabelo



FEIRA DA PRAÇA FAZ PRÉVIA DA MICARETA E HOMENAGEM ÁS MÃES


Publicado em: 12/05/2017 - 09:05:53

    A edição da Feira da Praça neste final de semana, no sábado (13) e domingo (14) será mais que especial: além de trazer o clima de Micareta para o evento, já tradicional do calendário feirense, é uma oportunidade de homenagear as mães, longe do stress das filas de restaurantes.
    A Feira da Praça será no América Outlet, as margens da BR-324, e contará com bailes micaretescos, para adultos e crianças, e uma novidade: pela primeira vez, um bailinho para os amigos de quatro patas: um baile exclusivo para os animais de estimação, com direito a concurso de fantasia.
    Além das novidades, o público sabe que contará com uma gastronomia selecionada e com muita variedade de sabores, uma oportunidade para comemorar o Dia das Mães de forma diferenciada na companhia de muitos expositores que irão surpreender os visitantes.
    E como toda boa festa tem musica, para esta edição da Feira da Praça teremos Marcionílio Prado, no sábado (13), Aquele Axé e Magary Lord, no domingo (14), são as atrações confirmadas.

    Confira a programação:
    Sábado, 13
    16h Bailinho e concurso de fantasia pet (inscrição no local com 1kg de ração para cachorro ou gato)
    18h Show de Marcionílio Prado
    Domingo, 14
    16h Bailinho infantil
    17h Aquele Axé
    19h Show Magary Lord




AUTORIA: Release do Feira da Praça



Mais Notícias

    O cantor e compositor Mohzah apresenta na próxima sexta-feira, 02 de ju...

    A peça teatral “Cosmonave”, roteirizada pelo ator Jos&eacut...

    O filme documentário “Suspiros de um Trovador”, dirigido pe...

    A edição da Feira da Praça neste final de semana, no s&aa...

    A trajetória da cantora feirense Maryzélia, um dos mais importan...

    Estão em curso, desde o mês de março deste ano, as diversa...

    Saulo, Pablo, Edson Gomes, Psirico, Timbalada, Cheiro de Amor, Armandinho, Dod...

    Quem está procurando emprego ou precisa de ajuda para se manter no merc...

    O projeto foi desenvolvido pelos músicos e professores Antonio Evaldo B...

    A imprensa de países como Emirados Árabes e mais 15 da Associa&c...


Página de 21
| | | | |

 

Apoio Cultural:



São João em Feira - 2017
New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados