menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-Luís Pimentel
-Maiara Angels
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
AÎACE, SAL, MATITA PERÊ, BAIANA BOSSA E MUITO MAIS NO FESTIVAL BAHIA JAZZ

“Quem procurava uma oportunidade para ouvir boa música, já pode sair da toca pra curtir o som de grupos baianos de muita qualidade reunidos neste projeto”, conta Marcos Sampaio, um dos idealizadores do Festival Bahia Jazz em sua primeira edição. O evento que também valoriza a experimentação e a libe

Publicado em: 07/12/2017 - 17:12:23

    Na grade do Festival, estão atrações como Aîace, vocalista da banda soteropolitana Sertanília, que acabou de lançar o seu primeiro disco solo “Dentro ali”. O álbum tem composições suas e participações de nomes como Lazzo Matumbi na canção “Nega Margarida (Ê Menina)” e o saudoso Luiz Melodia na canção “Samba é sacerdócio”. Um disco que flerta com ritmos afro-baianos, pop, MPB, reggae, jazz, rock...
    Já a banda Baiana Bossa garante fazer uma prévia do show do Natal Encantado (20.12) no último dia do Festival Bahia Jazz, sábado (16.12), que começa uma hora mais cedo. Lorena Porto (voz), Cid Fiuza (violão e guitarra), Anselmo Roberto (contrabaixo), Cesinha Miranda (bateria), os clássicos da bossa nova, samba, jazz, da música do nordeste e as interpretações marcantes dessa turma de veteranos da música brasileira estarão de volta ao palco da Cúpula em um show que promete ser ainda mais intenso que as apresentações da temporada do projeto Quinta dos Bossais.
    Não poderiam faltar na grade deste Festival destaques da música instrumental baiana como o grupo Santini & Trio, ganhador do Prêmio Caymmi 2017 em duas categorias, e o grupo Quaternária, grande incentivador da música instrumental e que ganhou notoriedade com o projeto JAM na CUCA em Feira de Santana. Os dois grupos acumulam em seus currículos importantes participações em festivais e eventos de música, a exemplo da JAM no MAM (Salvador/BA) e do Recôncavo Jazz Festival (Cachoeira e Muritiba/BA).
    Outra atração que já circulou Brasil afora e tem presença confirmada no Festival Bahia Jazz é o grupo Matita Perê, na estrada há 17 anos. Este show pretende trazer para o palco da Cúpula do Som o clima do disco “Reino dos Encourados”, lançado este ano de 2017 com composições do poeta feirense Giberval Melo. Borega (voz e violão), Rafael Galeffi (voz e viola) e Luciano Aguiar (violão e voz) trazem uma apresentação repleta de referências ao sertão.
    O som da SAL tem a cara deste projeto e, também por isso, é uma das atrações mais esperadas. É diversidade rítmica e sonora, é musicalidade criativa e sem rótulos, é pulsação e liberdade. O groove da banda no Festival fica por conta de Kleyde Lessa (voz e violão), Danilo Sampaio (guitarra), Marcos Sampaio (contrabaixo), Flaviano Galo (bateria), Bel da Bonita e Ramiro Barbosa (percussão).
    O pianista feirense Tito Pereira dá uma pausa nas suas experiências musicais em São Paulo para fazer uma apresentação marcante no Festival. Preparou para este projeto um show especial de pré-lançamento do seu trabalho solo com canções de sua autoria e clássicos do jazz internacional e brasileiro. Será uma prévia do disco “Alegria”, já em fase de produção e com lançamento oficial previsto para o fim do primeiro semestre de 2018.
   
    SERVIÇO
    QUANDO? Quinta e sexta (14 e 15.12) às 21h e sábado (16.12) às 20h.
    ONDE? Cúpula do Som (Rua Domingos Barbosa de Araújo, 750 - Kalilândia. Feira de Santana/BA. Vizinho à Localiza).
    QUANTO? R$ 20,00 (individual) R$ 40,00 (passaporte todos os dias).
    Mais informações e ingressos pelo WhatsApp 75 99249.2402.

AUTORIA: Redação | ASCOM CULTURASSS



SOUL BAIANO E O CD NAGÔ

Com marca e personalidade própria a nova banda feirense lança seu primeiro CD

Publicado em: 29/10/2017 - 13:11:04

    A Banda Soul Baiano tem uma formação recente. Quando, em Janeiro de 2016, três amigos e amantes da música ( caio chagas, Nestor Peixoto  e o baixista Danilo vital) aquietando o calor do verão feirense em uma mesa de bar, decidiram dar o pontapé  inicial num projeto acústico que envolveria músicas internacionais e nacionais, atualmente conhecido como Mashup, dos sucessos mais cantados pela galera(Pop). A banda passou por algumas transformações de componentes, porém mantendo sempre suas raízes estabelecidas no primeiro encontro. A soul hoje é composta por músicos experientes, que no decorrer dos vários ensaios diários inevitavelmente se tornam uma família, a FAMÍLIA SOUL BAIANO. Trazendo nomes como Alex Pires na guitarra, Caio Chagas no vocal, o compositor e baixista Gabriel Santos e o  irreverente Marcos Tyto na percussão, à família Soul somou ainda o talento dos músicos Diego Andrade na bateria e Gilberto G2 no sax e trombone para expandir sua arte, sua música, nessa nova fase de lançamento do primeiro EP autoral da banda.
    No Início a banda idealizou desenvolver um projeto musical voltado para pianos bar, porém, a identidade da banda começou a ser desenhada e o grupo encontrou seu caminho e sua alma, estabelecendo um estilo que nos conduz do pop de altíssima qualidade que foi mantido da ideia original somado ao tempero baianíssimo do reggae refinado!
    A guitarra de Alex Pires também desenha o show, o guitarrista que tem influência forte do Rock, jazz e blues, assina solos e improvisos belíssimos reforçando a baianidade da Soul.
    A voz marcante de Caio Chagas imprime à banda um caráter forte, mas, ao mesmo tempo, suave e delicioso para se ouvir.
    Com a chegada da Percussão e da alegria de Marcos Tyto , não teve outra , Gabriel Santos, baixista de alma ruts reggae  desandou a compor música  atrás de música, E assim vem se formando e firmando a estética musical da banda. Com as músicas autorais em arranjos belíssimos somados ao gostoso ritmo pop-afro-rock-reggae-anglo-indy-funck baianizado, a Banda ganha e demonstra uma personalidade especial e original que caracteriza o trabalho inusitado que os meninos vêm desenvolvendo e firmando perante o público feirense.
    Atualmente o repertório é composto por músicas nacionais e internacionais que, de forma intuitiva e planejada, vão se juntando no palco em "mashups".
    A SOUL nasce da intenção de fazer  um som de qualidade, com empenho e dedicação e está em processo de mais  composições autorais para, cada vez mais, estampar sua identidade no cenário musical de Feira de Santana, traduzindo a música no que seu nome se revela: a alma expressando o que vem de dentro , o sublime, multiplicada com o orgulho e o deleite de ser baiano!
A soul baiano trás consigo além de uma história firmada em fortes pilares da música pop, a pureza e leveza do reggae, justamente o que lhe faz circular por todas as tribos sonoras do cenário feirense, o reflexo disso é além dos diversos convites a estar presente em importantes eventos sócio culturais da cidade, a banda já contar em seu currículo com tantos eventos de primeira grandeza(astronômicos), como ter dividido palco com MATO SECO , TIAGO IORC, CLUBE DE PATIFES E TIMBALADA RETRÔ, ter feito parte da MICARETA FEIRENSE,  DA FEIRA DO LIVRO, FEIRA DA PRAÇA, FESTIVAL BEER MUSIC, e ser figura presente nos finais de semana da Terra de Lucas, em bares como  A VENDINHA, EMPÓRIO DAS CERVEJAS, SPETTOS BISTRÔ, ÁRIA HALL, DON VICENTE, ARPOADOR e diversos outros.
    A Soul vem nesse final de 2017 com grandes novidades, pegando carona no lançamento de seu primeiro EP NAGÔ que trás em sua capa uma belíssima arte do artista feirense DON GUTO, e em seu conteúdo musical  7 trabalhos autorais e inéditos. A Soul lançou o projeto música na alma, que se trata de levar, em forma de gratidão e reconhecimento do valor cultural do povo feirense, a música em sua forma mais pura e sincera, em um projeto itinerante e sem fins lucrativos, tocando nas grandes praças da cidade.
Atualmente a formação da banda (@soulbaiano) conta com os seguintes componentes:
Marcos Vinicius  Ribeiro Tito (Marcos Tyto)
Diego Andrade Souza (@diegoandrade)
Caio Lopes Chagas (@caiochagas)
Alexsandro Silva Pires (@alexpires)
Gilberto João da Silva (@gilbertosaxbone)
Gabriel Alves Santos (@gabriel_alves_santos)

AUTORIA: Release da Banda Soul Baiano



ROBERTO KUELHO FAZ SHOWS NA CIDADE DA CULTURA E NO CRIÔLO


Publicado em: 14/11/2017 - 16:11:59

    O cantor Roberto Kuelho faz dois shows em Feira de Santana neste final de semana. O primeiro acontece na sexta-feira (17), na Cidade da Cultura. No sábado (18), é a vez de Kuelho se apresentar no Criôlo Bar. O show leva o nome de “Sense Bulir” e tem formato acústico.
    As duas apresentações contam com músicas de seu último CD a exemplo de “Nem precisa ser amor” e “Miscigenada”. O cantautor promete fazer um delicioso passeio pelo pop baiano, samba e MPB.
    “É pra dançar e se emocionar. Esse show chega um ano após o lançamento do CD solo e tem como principal característica valorizar a poesia da música brasileira, principalmente a baiana”, adianta Kuelho.
    O ex-cantor da banda Xêro Mole promete ainda levar convidados. Na sexta, terá participação de Kairy Oliveira e de Adriano Oliver; no sábado, Kuelho recebe a cantora Thalita Costa. Os dois eventos começam às 21h.
     
    SERVIÇO
    SHOW “SENSE BULIR” - ROBERTO KUELHO
    Cidade da Cultura
    Quando: sexta-feira, 17 de novembro, às 21h
    Onde: Cidade da Cultura
    Endereço: Rua H, 170 - Bairro João Paulo II – (final da Av. Fraga Maia)
    Cidade: Feira de Santana
    Informações e reservas: (75) 3224-1238
   
    Criôlo Bar
    Quando: sábado, 18 de novembro, às 21h
    Onde: Criôlo Bar e Restaurante
    Endereço: Rua Honorato Bonfim, 464, Centro – (rua atrás da TV Subaé)
    Cidade: Feira de Santana
    Informações e reservas: (75) 3024-3734




AUTORIA: Release de divulgação do evento



CALAFRIO REALIZA SHOW GRATUITO PÓS TURNÊ NO BECO DA ENERGIA

A banda feirense fará apresentação neste domingo (05) e contará com participações dos grupos musicais lorigun, Roça Sound além dos Dj’s Lerry e Don Maths

Publicado em: 31/10/2017 - 05:10:33

    Após retornar da sua 1ª turnê fora da Bahia, a banda feirense Calafrio realizará um show gratuito, domingo (05), a partir de 09h00, no Beco da Energia, em parceria com o coletivo O Beco é Nosso. A ação faz parte do projeto “Calafrio em difusão”, aprovado na 2ª fase do edital de Mobilidade Artística e Cultural, apoiado pelo governo da Bahia, através da Secretaria de Cultura do estado. Trata-se de uma contrapartida social a ser proporcionada pela banda que fará show gratuito em detrimento de sua circulação pelos estados de Minas Gerais e São Paulo.
    O show promete novidades, sendo dividido em duas partes; no primeiro momento serão tocados os hit´s já conhecidos pelo público e seguidores da Calafrio, como “Ácido Céu”, “Meu Vício” e “Mão Pesada do Destino”, já num segundo momento a banda realizará apresentação de novas canções, contando com a participação do grupo Roça Sound. O evento terá também um show exclusivo da banda Iorigun, além de intervenções dos Dj’s Lerry e Don Maths.
    Durante esse clima festivo de retorno, a Calafrio estará realizando as últimas filmagens ao vivo do vídeo que reúne fragmentos sobre a turnê, com depoimentos dos integrantes e de pessoas que assistiram aos shows. “Pra nós, esta viagem trouxe muito aprendizado e novas parcerias e amizades em territórios mineiros e paulistas. Temos certeza que abrimos portas para outras bandas do circuito de música independente e autoral da Bahia que queiram se aventurar para além do estado. Estamos muito gratos e felizes pela oportunidade obtida!”, diz Siddhartha (guitarrista e vocalista da banda). O vídeo será lançado próximo mês na página oficial da banda e no youtube.

INFORMAÇÕES SOBRE O SERVIÇO
O QUÊ: Show Calafrio, Iorigun, Roça Sound e Dj’s Lerry e Don Maths
ONDE: Beco da Energia, Feira de Santana-Ba
QUANDO: 05/11/2017 (domingo)
HORA: a partir de 09h
ENTRADA: Gratuito

Produção Calafrio
www.calafrio.com.br
www.facebook.com/calafriorock
contato.calafrio@gmail.com
75 98105-4689

AUTORIA: Release da Produção Calafrio



SIDE SHOW DO FEIRA NOISE TERÁ GRUPO PORCO, VULZURIA E A VALSA ADORMECIDA DE XANGRI-LÁ


Publicado em: 30/10/2017 - 16:10:10

    No próximo sábado (04 de novembro), no espaço Cúpula do Som, a partir das 21 horas, vai rolar o primeiro Side Show do Feira Noise Festival 2017.
    Entre as atrações, está a Grupo Porco de Grindcore Interpretativo (MG), que pela primeira vez se apresenta em Feira de Santana.
    Encabeçado pelo vocalista e guitarrista Porquinho (Thiago Machado) e de nome auto-explicativo — eles se denominam como o primeiro grupo de "grindcore interpretativo" do Brasil — a Porco chega em Feira com a tour nordestina "Dinossauro com um Beck Gigante".
    Além da atração mineira, também vão subir ao palco da Cúpula as bandas feirenses Vulzuria (hardcore) e A Valsa Adormecida de Xangri-lá (música popular/pop rock).

SERVIÇO
O que: Side Show do Feira Noise 2017
Quem: Grupo Porco, Vulzuria e A Valsa Adormecida de Xangri-lá
Quando: Sábado, dia 04 de novembro, a partir das 21 horas
Onde: Cúpula do Som, na rua Domingos Barbosa de Araújo, nº 75, bairro Kalilândia – Feira de Santana – Bahia
Quanto: R$10,00 (antecipado) e R$20,00 (porta)
Pra saber mais:  www.facebook.com/feiracoletivo

AUTORIA: Imprensa Feira Coletivo Cultural: Elsimar Pondé - 75 99121 8571 / 98112 5096



NOITE LITEROMUSICAL ENCERRA TEMPORADA DA QUINTA DOS BOSSAIS


Publicado em: 24/10/2017 - 17:10:15

    Projeto de música brasileira do Coletivo Culturasss encerra sua primeira temporada com show da banda Baiana Bossa nesta quinta-feira (26), às 21h, na Cúpula do Som. A Quinta dos Bossais integrou atividades formativas em áreas diversas e diferentes linguagens artísticas durante seis semanas.
    Este formato de produção cultural, levou para o ambiente do bar momentos inusitados de reflexões coletivas sobre um tema diferente a cada semana e ganhou destaque pelo sucesso de público e crítica. Nesta noite que encerrra a primeira temporada do projeto, a abertura do evento conta com o pocket show literomusical Mousikê&Poíesis e Roda Poético-biográfica NIVIA MARIA VASCONCELLOS, premiada este ano com o Selo Literário João Ubaldo Ribeiro na obra narrativa “A paixão dos suicidas”.
    Este encerramento promete ser um grande encontro de literatos e um agradável momento de celebração entre admiradores da literatura brasileira. Após a Roda, Nívia se junta à cantora e compositora Dayane Sampaio e ao músico Cid Fiuza para mais uma apresentação literomusical, modalidade que essa poetiza apaixonante incentiva e difunde há 11 anos em Feira de Santana, e desde então só vê crescer a produção dessa linguagem artística.
    A noite conta ainda com perfomances de dança da Trupe Mandala, com solos das coreógrafas Antônia Ribeiro, Mariana Figueredo e Viviane Macedo.  “A programação do evento pensa na interação das variadas vertentes artísticas e promove formação de platéia dentro de um espaço aconchegante e cultural que é a Cúpula do Som”, destaca Kleyde Lessa, cantora e proprietária da Cúpula do Som Studio Bar. 
    Edições anteriores
    Já foram abordados os temas: “Os Desafios da Assessoria de Imprensa”, mediado pelas jornalistas Beatriz Ferreira e Eveline Cordeiro da Notre Assessoria em Comunicação; “Marketing e Carreira”, com Thiago Oliver, diretor de marketing do Grupo Nobre, e com o case Aiktemaki com o empresário Peterson Carvalho; na terceira semana teve uma Roda Literária com os escritores Roberval Pereyr, Clarissa Macêdo, Clovis Ramaiana e Rafael Rodrigues que falaram um pouco das suas obras e encheram a noite de poesia e prosa; na semana seguinte, o papo da abertura foi sobre “As Memórias do Teatro Feirense”, mediado pelos atores
     e diretores da Cia CUCA de Teatro, Geovane Mascarenhas e Elizete Destèffani; e, na quinta semana, “Protagonismo Feminino” foi pauta da publicitária Jéssica Almeida e de Fernando Souza, pesquisador do universo feminino, historiador, ator e diretor de teatro.   
    Banda Baiana Bossa
    “Sou colombiano e levei 20 anos morando em Feira de Santana para conhecer um trabalho com tanta excelência. Estou encantado com esse grupo”, declara o médico cirurgião plástico César Kelly após ter saído da sua mesa para ir ao encontro da banda antes mesmo dela descer do palco.
    Após a abertura literossônica da Quinta dos Bossais, a Baiana Bossa faz o último show da primeira temporada do projeto com seu refinado repertório que atrai admiradores da bossa nova, jazz, samba, música do nordeste, da música brasileira e toda sua riqueza. A jornalista Silvia Dantas também falou sobre essa formação musical: “Fico muito feliz em saber que em Feira de Santana tem uma banda com um repertório tão apurado, tão bem
    selecionado. Isso mostra que a arte de qualidade tem espaço, tem público e a gente precisa fomentar cada vez mais iniciativas como essa porque além do show musical, esse projeto traz ainda uma proposta formativa. Muito bom!”.
    A banda tem Lorena Porto no vocal, Cid Fiuza além de guitarrista assina a direção musical, Anselmo Roberto no contrabaixo e César MIranda na bateria. O jornalista Caíque Marques, presente em todas as cinco semanas do projeto, destaca o que mais lhe agrada: “a inteligência de como a banda construiu o repertório e a maneira como Lorena canta, certa, inteligente… Ela é uma cantora na medida certa”. 
    A Baiana Bossa defende a música brasileira e seus compositores de reconhecida qualidade musical. “É a música pela música. Canções para contemplar por elas mesmas. Não importa muito se é pra animar, pra dançar ou não. Nós queremos oferecer música. E só”, enfo
    ca Cid Fiuza, diretor musical da banda.
    “A gente faz o som que a gente gosta muito e isso acaba contagiando as pessoas. É uma sinergia incomparável”, diz a cantora Lorena Porto. Ela também falou sobre o futuro da banda e da Quinta dos Bossais: “A Baiana Bossa segue sua caminhada por eventos particulares, solenidades, casamentos e se prepara
     para aproveitar os convites para ultrapassar a fronteira baiana. Ah! Dia 01.11, véspera do feriado, estaremos no Circuito Varanda do SESI de Música, em Salvador/BA. Estamos muito satisfeitos com todas as conquistas até aqui. Não tenho dúvidas de que a noite do encerramento do projeto será ainda mais marcante. Programação linda e muitas razões para celebrar. Quem sabe o universo não conspira para uma segunda temporada ainda esse ano…”, conta Lorena que também é produtora cultural do projeto ao lado de Cid Fiuza e a equipe do Coletivo Culturasss.
    SERVIÇO
    O QUÊ? Quinta dos Bossais - Literossônica - com show da banda Baiana Bossa. Abertura com pocket show literomusical Mousikê & Poíesis, Roda Poético-biográfica Nívia Maria Vasconcellos (prêmio João Ubaldo Ribeiro) e performance da Trupe Mandala Cia de Dança.
    QUANDO? Nesta quinta (26.10), às 21h
    ONDE? Rua Domingos Barbosa de Araújo, 750 - Kalilândia. Feira de Santana/BA. Na rua da Localiza, ao lado do prédio da Niro.
    Mais informações e reservas pelo WhatsApp 75 99191.5071 ou 99264.1507. Conheça a Baiana Bossa em www.baianabossa.com.br</ a> ou https://youtu.be/V2zZQjKhEYE. Neste link, é possível sentir um pouco da atmosfera das noites da Quinta dos Bossais: https://www.youtube.com/watch?v=9f6pIPlyPtU. Mais vídeos aqui: https://www.youtube.com/channel/UC9NkmxeqANDxg4g3UMpUDUw.

AUTORIA: Redação | ASCOM CULTURASSS



EUTERPE FEIRENSE PROMOVE FESTA EM HOMENAGEM ÀS CRIANÇAS


Publicado em: 11/10/2017 - 11:10:02

    Shows musicais, banho de piscina, distribuição de doces e brinquedos, brincadeiras de criança, palhaço, pula-pula e muito mais. Assim, a Euterpe Feirense promove grande festa em homenagem ao Dia das Crianças. A programação começa ás 10h desta quinta-feira (12), na sede de campo da Euterpe Feirense, situada na Avenida Eduardo Froes da Motta (Av. Contorno, próximo à entrada do bairro Santo Antônio dos Prazeres), em Feira de Santana.
    As apresentações ficam por conta das bandas Balanço Gostoso e Palco de Luxo. Maiores informações podem ser adquiridas no local do evento ou através dos telefones (75) 3225-4492 / 98209-4815 / 99199-1075 / 98270-1551 / 99139-2208.
 

AUTORIA: Release de divulgação do evento



PROJETO MÚSICA E DANÇA NA PRAÇA AGITA O DOMINGO NO CEU DAS ARTES CIDADE NOVA

Próximo evento será realizado no dia 29, domingo, às 16h no CEU do bairro Aviário

Publicado em: 09/10/2017 - 17:10:21

    Durante a primavera, que começou em setembro e só termina no mês de dezembro, a Fundação Egberto Costa realiza a primeira edição do projeto Música e Dança na Praça. Neste domingo, 08, o cantor Dann Silveira e os dançarinos do Grupo de Artes Estrelas da Massa Popular (Emap) se apresentaram no evento que aconteceu no CEU das Artes do bairro Cidade Nova.
    Além de celebrar a cultura no período mais florido do ano, o projeto estreita os laços entre as pessoas. “Um momento como este é muito importante porque é aqui que a comunidade se encontra e interage tendo acesso a esses bens culturais. E isso reverbera na vida das famílias, não só do bairro Cidade Nova mas de todos que usufruem de tudo que é oferecido aqui”, disse a coordenadora do CEU das Artes do bairro Cidade Nova, Fátima Correia.
    “Eu estava passando aqui na frente e vi o evento. A música é muito boa, não tem como não participar. Isso aqui é magnífico. Domingo geralmente é um dia pouco movimentado e nós precisamos disso para não passar o fim de semana só dentro de casa”, disse Branca Brandão.
    Este foi o segundo dia da primeira edição do projeto. O grupo Emap, formado por alunos de escola pública que se reuniram para fazer e propagar arte, apresentaram algumas coreografias. “O grupo Emap surgiu desse desejo de mostrar para as pessoas que o que é público também é de qualidade. Então a gente está levando, agora, para fora dos portões da escola o nosso trabalho para mostrar que todo mundo tem que ter acesso à arte e cultura”, explicou o integrante do Emap, Uriel Falcão.
    “Muito importante este trabalho da Fundação que permite que o artista aqui da cidade possa se mostrar para o seu povo. Aqui a gente consegue fazer as pessoas entenderem que existe poesia, música de qualidade”, afirmou o cantor Daan Silveira que também se apresentou no evento.

AUTORIA: ASCOM FUNTITEC



SEXTA TEM FERVURA FEIRA NOISE COM FAR FROM ALASKA

Evento promovido pelo Feira Coletivo Cultural é o último aquecimento para o Feira Noise Festival

Publicado em: 05/10/2017 - 09:10:40

    Nesta sexta-feira (6), às 20 horas, no espaço Offsina Music Lounge, em Feira de Santana, será realizado o segundo Fervura Feira Noise de 2017, último evento de aquecimento para festival Feira Noise, um dos mais importantes da Bahia, agendado para novembro.
    Entre as atrações, está a FarFrom Alaska (RN), banda de stoner rock de grande destaque nacional e internacional que acaba de lançar "Unlikely" — segundo álbum do grupo e um dos mais esperados do ano, gravado e produzido nos Estados Unidos.
    Além da Far From Alaska, que já havia cativado o público feirense em sua passagem memorável pelo Feira Noise 2015, se apresentarão as bandas baianas Astralplane e Iorigun, também teremos o show de estreia da banda Sofie Jell.
    A Astralplane é uma banda de rock psicodélico de Salvador que tem conquistado destaque nacional com "Rendevout", álbum de estreia do grupo — indicado, entre outros veículos, pela Rolling Stone Brasil. Será a primeira passagem do quarteto por Feira de Santana.
    A Iorigun é uma nova aposta feirense que faz dream pop influenciado por The Drums, Beach Fossils e DIIV. Com um single — "Downtown" — e três shows, sendo um deles em Salvador, a banda já é apontada como um nome muito relevante e promissor na cidade.
    Sofie Jell é a nova banda de Lucas Laudano, ex-That River, e tem influências do grunge e de sonoridades noventistas. Com o primeiro single previsto para setembro, a banda promete lançar seu primeiro EP ainda em 2017.

    SERVIÇO
    O que: Fervura Feira Noise
    Quem: FarFrom Alaska, Astralplane, Iorigun e SofieJell
    Quando: Dia 06 de outubro (sexta-feira), às 20horas
    Onde:Offsina Music Lounge - Rua Sabino Silva, nº 81 – Centro - Feira de Santana / Bahia
    Quanto: R$30 (inteira), R$15 (meia)
    Pra saber mais: www.facebook.com/feiracoletivo


AUTORIA: Elsimar Pondé



Mais Notícias

    Projeto de música brasileira do Coletivo Culturasss encerra sua primeir...

    Shows musicais, banho de piscina, distribuição de doces e brinqu...

    Durante a primavera, que começou em setembro e só termina no m&e...

    Nesta sexta-feira (6), às 20 horas, no espaço Offsina Music Lou...

    Depois do sucesso de público e crítica de todo o mês de se...

    O Feira Coletivo Cultural apresenta no próximo sábado (30), a pa...

    “Que banda maravilhosa! Um repertório sensacional que me emociono...

    Às 20 horas do dia 06 de outubro, no Offsina Music Lounge, vai rolar o ...

    Feira de Santana recebe na próxima semana, no Centro de Cultura Am&eacu...

    “Repertório, estilo e qualidade musical à altura dessa noi...


Página de 18
| | | | |

 

Apoio Cultural:



Som Alto
New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados