Fechar Página

Africania
Enraizados na resistência e na sacralidade da cultura afro-brasileira, os tambores do Africania representam sua bússola. A identidade sertaneja do grupo, além de asseverar o respeito ao divino e o vigor dos batuques, revela sua hospitalidade quando acolhe influências do afro-jazz, da música caribenha e eletrônica. É com a consciência de suas origens, que o grupo se reconhece enquanto semeador de uma sonoridade universal.
Idealizado em 2006 por Bel da Bonita, o projeto já passou por várias formações, acumulando em seu currículo sete discos, três trilhas sonoras e apresentações em importantes festivais como: Feira da Música-CE, Ceará Music- CE, Ressonar Festival-BA, Festival Universo Paralelo-BA e Festival de Inverno de Lençóis - BA.
Africania é fruto do nomadismo artístico capitaneado por Bel da Bonita em várias regiões do Brasil. Nesse processo de intinerância musical, a Africania se especializou no estudo das percussões em suas múltiplas linguagens -especialmente nas manifestações da música sacra afro-brasileira e nordestina-, estendendo seu diálogo rítmico com o jazz, a música caribenha e o psytrance.
Com 6 discos gravados e apresentações em importantes festivais como Ressonar Festival-Ba e Festival Universo Paralelo-Ba o projeto conta hoje com o apoio de Pedro Lucas (teclado), Luís Henrique (bateria e voz), Gibran Souza (percussão e voz), Ravel Carvalho (percussões e voz), Moysés Martins( baixo) além do próprio Bel da Bonita (percussão e voz). Essa nova formação é impulsionada pelo desejo de renovar a linguagem musical do Africania, ao reascender o experimentalismo das texturas psicodélicas, preservando o vigor dos tambores.






Página de 1






bandaafricania@gmail.com





New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados