Fechar Página

Jean Marques





TÔ INDO


Publicado em: 27/03/2018 - 09:03:52


Vou pra junto
daqueles
que não tem mais nada...

A graça da graça
Não enche boca.

Acredito
na Arte
como verdade
vou para certeza
do Tudo e Nada.

Vou Arte lá do outro lado...

Ou serei
um buscador incansável de lanternas apagadas.


Nunca pensei em ir assim

Mas vou

Lutando por minha Arte

Não aceito ser vencido pelo nada.

Nos encontraremos do outro lado.


Amanhã milhões dirão que possuíam vaga lumes nas mãos.
E eu não assoviei por socorro.

Ninguém quer adentrar na escuridão e
guiar o outro.


Só temo por aquela que me amou até a última gota de verdade.

Covardia ou grito de liberdade

Vou por um fim
No início de uma tragédia anunciada.

Levo luzes suspensas e vitórias escancaradas.
Textos serão montados
Biografias contadas
Músicas cantadas
Projetos ovacionados e eu não estarei aqui para aplaudir a mim mesmo.

Até quando será assim?

"Au revoir" aos que ficam!


Fonte: Jean Marques







Página de 6

| | | | |
Próxima ->





New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados