menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-Luís Pimentel
-Maiara Santos
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
TAÍSLA ARAÚJO ESTARÁ LANÇANDO SEU LIVRO DE POEMAS: "CARTA PARA AUGUSTO E OUTROS POEMAS"

Com apoio da banda da qual faz parte como baterista a poeta, musicista e compositora lançará na próxima sexta-feira, no Botekim Tematic Bar, livro de poemas em evento que promete ser bastante animado e dinâmico.

Publicado em: 20/05/2019 - 11:05:49

    Natural de Valente, que por sinal se mostra uma cidade berço de muita gente talentosa, Taísla  Araújo, que hoje é residente em Feira de Santana é acadêmica de psicologia da FAT, e lançará livro de sua lavra (Cartas para Augusto e outros poemas), contando, nesta ocasião, com o apoio da apresentação da Banda "Conjura Rock", da qual é baterista, para animar o evento.
    Taísla, é poeta, compositora, musicista e escritora, que como tal afirma-se como contadora de causos matutos, outra faceta curiosa e muito interessante da artista no exercício de seus dons literatos, pois busca dentro do nosso universo literário um tema que, hoje, merece uma certa atenção para que não se perca, e que ao contrário de ser simples, como possa parecer para alguns, na verdade é sofisticadíssimo na sua construção.
    A Autora já tem participado de diversos eventos culturais aqui na cidade, inclusive nos dois últimos Concursos Municipais de Poesia, onde teve poemas publicados, e recentemente numa antologia de poetas baianas teve dois poemas seus selecionados.
    Sem dúvida é um novo talento que vai se revelando pouco a pouco, para ajudar a compor este universo cultural feirense, rico de figuras especiais que proporcionam atividades sempre surpreendentes.
    Participem e prestigiem!

AUTORIA: Viva Feira



BRUNO BEZERRA LANÇOU NOVO SINGLE NA ÚLTIMA SEXTA-FEIRA (03/05)

Trabalho foi produzido por André T e contou com a participação de grandes músicos da cena atual

Publicado em: 04/05/2019 - 05:05:30

    O cantor, compositor e multi-instrumentista feirense Bruno Bezerra lançou na última sexta-feira (03), seu novo single “Cantador’, nas principais plataformas digitais como Spotify, Apple Music, Deezer, YouTube Music e Google Play Music e ONErpm.
    A música destaca a poética e o sotaque nordestino, os timbres da viola caipira e da sanfona, os ritmos do triângulo e da zabumba, e a psicodelia dos sintetizadores e batidas eletrônicas.
    O single é autoral e tem a produção de André T, que também produziu álbuns de grandes nomes da música baiana e nacional como Pitty, Cascadura, Retrofoguetes e Luiz Caldas, entre outros.
    Além de Bruno Bezerra nas vozes e viola caipira, a música “Cantador” tem Tonico Freitas na percussão, Rogério Ferrer na sanfona, Anderson Silva no baixo elétrico, Dade Oliveira nos violões de aço e nylon e André T nos sintetizadores e bateria eletrônica.

AUTORIA: Release de Elsimar Pondé



MISS AFRO 2019, MAIS QUE UM CONCURSO

O 3º Concurso Miss Afro será realizada antes da Micareta, como já vem acontecendo desde 2017. Acompanhem, participem e prestigiem!

Publicado em: 02/04/2019 - 11:04:44

    O Concurso Miss Afro Feira de Santana é hoje o principal e maior concurso de beleza e exaltação da mulher negra no interior da Bahia. Nele, o Moviafro elege a Miss Afro de Feira de Santana (Musa Moviafro), que tem a missão de levar a consciência que a mulher negra necessita para elevar sua autoestima e censo critico.
    Um dos maiores objetivos da Associação Cultural Moviafro é sedimentar a autoestima na comunidade negra de Feira de Santana e sua região metropolitana, e propagar a cultura afro-baiana para os mais diversos pontos do mundo. Especificamente neste dia, o Moviafro somado ao Bloco Afro Império Africano direciona este trabalho para a mulher negra.
    O concurso acontece desde 2017 e nasceu a partir da constatação de que não havia nenhum registro de que uma mulher negra tivesse ousado concorrer em uma competição que envolvesse beleza, mas com o foco principal na conscientização, autoaceitação e elevação da autoestima. Apesar de a população brasileira ser majoritariamente mestiça, o biótipo de mulheres que o Brasil exportava a partir dos seus concursos de beleza não correspondiam à realidade étnica nacional.
    Com o surgimento do Moviafro, sobretudo após a criação do Concurso Miss Afro Feira de Santana, veio a tona a discussão acerca “de ser negro”, da negritude e do padrão de beleza diferente.
    A dinâmica do concurso é regida pelos cursos, oficinas, rodas de conversas, enquetes, fóruns de discussão e dois questionários que as candidatas precisam responder antes do desfile propriamente dito, e esses questionários são eliminatórios, sobretudo, pela consciência da candidata no que diz respeito a sua negritude, devendo tornar-se atuante na sua comunidade nesse sentido. Por isso, quando o Moviafro elege a sua musa, a Entidade está fortalecendo a cultura baiana através da afirmação da consciência negra e da manutenção das suas raízes.
    As finalistas precisam atender aos requisitos de conhecimento sobre a história do povo negro na Bahia, no Brasil e no mundo.
    A final do Concurso Miss Afro Feira de Santana que vem sendo prestigiada pelo povo e pela intelectualidade local, ocorre sempre 08 dias antes da micareta de Feira de Santana. O concurso escolhe a Miss Afro que participará das atividades realizadas pelo Bloco Afro Império Africano, pela Associação Cultural Moviafro e seus filiados, além de determinadas atividades onde o Moviafro é convidado a participar não só em Feira de Santana como também na capital Salvador e em outros municípios
da Bahia.
    São realizadas também ao longo de todo o concurso, diversas rodas de conversas, palestras, seminários e dois mini cursos. Tudo isso com o objetivo de empoderar a mulher negra feirense através da conscientização.

Figurino: Flavia Sacramento
FOTOS: Rafaell de Paulo
               Kleysson Assis
               Robson Amorim

AUTORIA: Release da Ascom do Movimento MoviAfro de Feira de Santana
Fotos




SESC ABRE INSCRIÇÕES PARA 3ª MOSTRA DE CINEMA


Publicado em: 20/03/2019 - 09:03:35

    De 13 de março a 15 de abril, cineastas independentes podem inscrever seus trabalhos para participar da 3ª Mostra Sesc de Cinema. O projeto tem como objetivo descentralizar e equalizar a participação de todas as regiões do país na produção audiovisual brasileira e facilitar o acesso do público a filmes produzidos dentro e fora dos centros urbanos.
    A edição de 2019 conta com uma novidade: é composta pelas categorias Panorama Estadual, Panorama Brasil e Panorama Infantojuvenil. Serão aceitas obras já prontas, curtas, médias e longas-metragens de produtores nacionais.
    A Mostra premiará 5 (cinco) obras audiovisuais em serviços de produção, pós-produção ou distribuição, no valor máximo de R$ 20.000,00 (vinte mil reais); até 7 (sete) obras infantojuvenis com licenciamento dos direitos autorais, para exibição pública e pelo período de 2 anos, no valor total de R$ 20.000,00 por obra; e o Sesc TV premiará obras a seu critério, para inserção em sua grade de programação.

Edital, formulário e maiores informações através do site:
www.sesc.com.br/mostradecinema
 

AUTORIA: Release do SESC - Lais Almeida



EXPOSIÇÃO INSPIRADA NAS OBRAS DE ALEIJADINHO COMEÇA DIA 21/03 NO MRA


Publicado em: 17/03/2019 - 02:03:11

    No dia 21 de março, às 20h, o artista plástico feirense Antonio Carvalho de Novaes, apresenta no Museu Regional de Arte (MRA), integrado ao Cuca, a exposição “Ocaso - Aleijadinho, Arte e Fé”.
    Ficarão expostas ao público pinturas em óleo sobre tela inspiradas nas obras de Antonio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, especificamente as faces dos doze profetas esculpidos em pedra-sabão pelo artista mineiro, e alguns personagens dos Passos da Paixão, que integram o Santuário de Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas, Minas Gerais. A exposição ficará no MRA até 17/05/2019, com entrada gratuita.
    No início de 2017 o artista feirense viajou para a cidade de Congonhas para conhecer e fotografar as obras do Aleijadinho, obtendo material para realizar suas telas, em estilo realista. Importante ressaltar que Antonio Francisco Lisboa é considerado o maior escultor nacional de todos os tempos e suas obras são conhecidas mundialmente, especialmente as esculturas que fazem parte do Santuário de Bom Jesus de Matosinhos, tombadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e pela Unesco como patrimônio da humanidade.
    Antonio Carvalho de Novaes é natural de Juazeiro-BA, mas reside em Feira de Santana desde os oito anos de idade e se considera feirense de coração. Em 2015 realizou exposição na cidade de Zwolle, na Holanda. No mês de agosto de 2016 apresentou na Galeria de Arte Carlo Barbosa, no Cuca, a exposição “Recortes de Feira de Santana”.
    Há dois anos ele vem trabalhando com muita dedicação e rigoroso apuro técnico para elaborar as obras da exposição “Ocaso - Aleijadinho, Arte e Fé, que tem essa denominação em homenagem ao poema “Ocaso” do modernista Oswald de Andrade, que esteve no município de Congonhas na década de 1920 e a partir de então foi resgatada a importância do Aleijadinho para a arte, a história e a cultura do Brasil.

AUTORIA: Release do Ascom da Exposição
Fotos




LANÇAMENTO DE "DENSAS LEVEZAS BREVES" DE ELIS FRANCO

No próximo dia 15/03 no MAC - Museu de Arte Contemporânea, Elis Franco estará partilhando sua poesia com o público em geral!

Publicado em: 13/03/2019 - 20:03:35

    Mergulhando nas profundezas difíceis do ser humano, Elis Franco lança seu segundo livro, Densas levezas breves. Com menos de cem páginas, e 64 poemas escritos entre 2017 e 2018, a obra pretende fazer com que o leitor penetre as várias camadas de nossas existências, entregando-se à escuridão, sem saber se haverá luz, ou sequer como respirar. Os versos levam uma linguagem singela – leve –, mas são envoltas de uma esfera de difícil respiração, com temas complexos, e becos sem saída – densos. A autora dispõe as águas de nosso psiquismo, contendo nossas emoções, medos, alegrias, desejos, mistérios, e mergulha, convidando-nos para lhe fazer companhia. A viagem é perigosa, mas magnífica, da qual o leitor não consegue voltar mais o mesmo.

AUTORIA: Release do MAC Museu de Arte Contemporânea



ROÇA SOUND NO CARNAVAL DO PELOURINHO COM DOIS SHOWS

O grupo feirense tem a sensação exata de estar representando Feira de Santana, e a arte produzida aqui e em todo sertão baiano!

Publicado em: 04/03/2019 - 18:03:41

    No último sábado (02), o Roça Sound estreou no Carnaval 2019, em Salvador, com um show no Palco Multicultural, localizado na Praça da Cruz Caída. Foi a primeira das duas apresentações que os feirenses farão este ano, na programação do Carnaval do Pelourinho.
    “É sempre bom participar de evento em Salvador. A gente dividiu o palco com referências como a banda Cativeiro e Ministereo Público, é sempre bom compartilhar dessa energia positiva”, disse o DJ e MC NickAmaro.
    “O mais surpreendente é encontrar um público de todas as idades, todos muito receptivos conosco”, comentou Dom Maths. “É uma responsabilidade gigante pra gente que veio de lá do sertão, estamos trazendo para o olho do furacão as nossas raízes que muitas vezes são ocultadas e compartilhar com todos é muito importante, a gente se sente representado. Este é o caminho, estamos abrindo as portas para o que é nosso, o que a gente tem de tesouro maior que é a cultura do nosso povo”, conclui o MC.
    O Roça Sound se apresenta nesta segunda-feira, às 15h, no Largo Tereza Batista, em um show com a participação de Miss Ivy e Magnata Kingfaya.

AUTORIA: Release do Vagalume Assessoria



MINICURSO DE NUTRIÇÃO E PATOLOGIAS CLÍNICAS

O Instituto Évora (Idhe) promove em Feira de Santana minicursos de grande relevância!

Publicado em: 25/02/2019 - 03:02:51

    Necessitamos de cursos que atravessam as barreiras sociais. Sabido que apenas a graduação não nos permite gozar de todas as demandas das quais necessitamos para a nossa capacitação profissional, o Instituto Évora lança o minicurso: “Nutrição nas Patologias Clínicas”. Um tema que causa preocupações.  Não percam essa oportunidade de adquirir conhecimentos, além de enriquecer o seu currículo. Há uma super oferta.  Se inscrevendo no curso junto a um amigo o valor fica R$80 por mês.
    Início em março. Abordando temas como: Nutrição na diabetes, no câncer, hipertensão, doenças cardiovasculares, doença celíaca e Psicologia e Enfermagem nas patologias.
    Maiores informações: (75) 9 9710-1499  /  (75) 9 8127-5768.

AUTORIA: Release do Ascom Idhe - Laísa Melo



LANÇAMENTO DO LIVRO DE JAILTON BATISTA, NESTA SEXTA FEIRA

O Lançamento do Livro "O Filho da Madre" de JAILTON BATISTA será no Casarão Fróes da Mota, nesta sexta-feira às 19:00 h.

Publicado em: 21/02/2019 - 20:02:12

    O Ex-secretario de Cultura de Feira de Santana, criador do Natal Encantado, membro da Academia Feirense de Letras e de outras tantanatividades culturais e empresarias, está lançando mais um livro em feira de Santana, desta feita " O Filho da Madre", construído com a mesma maestria do seus trabalhos anteriosres.
    Para conhecer melhor a obra observemos o que diz o prórpio Autor:
   
"O filho da madre é um livro inteiramente baseado na vida de um personagem às vésperas de completar 100 anos de idade: o professor de Matemática e político baiano Joselito Falcão de Amorim, cujo enredo de vida se confunde com uma obra de ficção, tão fascinantes quanto inacreditáveis foram os episódios que se desdobraram em quase um século de existência. Fruto de uma única noite de amor de uma jovem descendente de uma sólida aristocracia com um alemão importador de tabaco, com poucos dias de nascido ele foi entregue a uma pobre lavadeira para que a ele desse um sumiço – ou um destino. A vida, contudo, foi lhe bafejando com lances inacreditáveis de sorte, e ele se tornou um reconhecido professor de Matemática e um político vitorioso, amigo do general Castelo Branco, alcançando o cargo de prefeito da segunda maior cidade da Bahia, Feira de Santana, além de presidente do Tribunal de Contas do Estado, diretor de importante empresa estatal e um militar de carreira vertiginosa.
    A sua mãe, a jovem Deolinda Falcão, aos vinte anos de idade, depois de dar à luz, foi mandada ao desterro de um convento, morrendo poucos anos depois supostamente de depressão, por não suportar a clausura.
    O pai de Joselito foi o senhor... Bem, aí é onde o autor introduz a ficção, que se estende ao universo de Bertolina, a velha engomadeira. Na impossibilidade de levantar precisamente em Salvador, Feira de Santana e Hamburgo, na Alemanha, a verdadeira identidade do alemão que em 1918 foi recepcionado no palacete do senhor Manoel Ribeiro Falcão e com sua filha se deitou uma noite, acabei arranjando um pai fictício para ele. Na lista de passageiros alemães que desembarcaram no porto de Salvador naquele ano não era possível deduzir qual deles viera fazer negócios com o exportador de tabaco, pois os nomes de suas companhias não eram registrados. Além disso, os documentos oficiais da velha firma Ribeiro Sr. Falcão desapareceram. Poderia ter investigado mais sobre os negócios do senhor Falcão em Bremen e Hamburgo, para onde exportava frequentemente seu fumo, mas como não sou historiador e tinha pressa, restringi meu interesse em torno da madre Deolinda Falcão e seu fruto proibido.
    A negra lavadeira que recebeu a incumbência de dar-lhe um fim, também não tem sua identidade verdadeira, pois seu nome foi esquecido pelos pais que o adotaram e pelo próprio Joselito Amorim. Contudo, seu endereço e sua pobre vida existiram no bairro Tanque do Urubu, na periferia de Feira de Santana, Bahia.
    Fora isso e a licença que o escritor tem para construir sua obra, tudo o mais foi baseado em fatos reais, levantamentos históricos, longas entrevistas com o professor Amorim, viagens exploratórias a Hamburgo e Frankfurt e depoimentos de muitas pessoas vinculadas por laços de família ou afinidade aos personagens do romance. Naturalmente, a narrativa está eivada pela fantasia do autor, especialmente na construção dos cenários. Exceto o sr. Kurt Wilhelm Rudolf, Elga, sua esposa, seu amigo Heinz Schreder, Bertolina, a negra Berta, e a madre Maria Gorete, os nomes das demais pessoas que aparecem em “O filho da madre” são todos reais."

AUTORIA: Viva Feira com release do próprio Autor



Mais Notícias

    Com o objetivo de refletir sobre possibilidades de epistemologias afro-centrad...

    Chegando a sua 8ª edição, o ENCONTRO DE VEÍCULOS ANT...

    A ideia inicial da coordenação do Núcleo de Prátic...

    Pelo menos 100 pessoas, entre professores e estudantes da FTC Feira de Santana...

    Desde novembro de 2014 o projeto Jam na Cuca traz shows em formato de Jam Sess...

    No dia 05 de outubro, celebrou-se os 30 anos da atual Constituiçã...

    O III Simpósio de Comunicação da Faculdade UNEF tem por t...

    “Eu conto a minha história até em ponto de ônibus&rd...

    De outubro a novembro, Feira de Santana recebe a 3ª edição ...

    Professores do Curso de Direito da Universidade Estadual de Feira de Santana c...


Página de 23
| | | | |

 

Apoio Cultural:


New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados