menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-Luís Pimentel
-Maiara Angels
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
APELIDOS ESDRÚXULOS NAS CAMPANHAS ELEITORAIS

Todo período de eleição eu me divirto, colecionando os apelidos dos candidatos inscritos no TRE (Tribunal Regional Eleitoral). A criatividade do brasileiro é fantástica!
Publicado em: 15/09/2016 - 23:09:34
Fonte: Lélia Vitor Fernandes de Oliveira


    Segundo o Código Eleitoral e a Lei das Eleições 9.504 permitem no registro da candidatura constar no nome de urna, como é ele mais conhecido, no seu Artigo 12 determina que o nome que o candidato escolhe para registrar sua candidatura não pode atentar contra o pudor e nem seja ridículo ou irreverente.
    Os apelidos mais comuns são gerados, principalmente no trato familiar, para externar a afetividade entre seus membros, são os chamados pela Onomástica, de HIPOCORÍSTICOS: Lulinha, Luzico Paim, Dedeu, Keko, Vado, Rubinho, Beto Vitória, Cidinho, Beto Tourinho, Neinha, Bira Borges, Zequinho, Malu, Leo Amorim, Juca Moraes, Joka Bispo, Gueu, Zó, Mizinho, Tutuca, Filhinho, Mundinho...
    Uns são identificados pela PROFISSÃO que exercem ou SETOR DE TRABALHO: Betânia da AAPC, Zé das Congas, Sargento Lopes, Márcio da Saúde, Tinga Produções, Roberto da Marechal, Detetive Dé, André do Crer, Edilson do Táxi, Rafa do Frango, Jeu do Beiju, Galego do Cuscuz, Carlito do Peixe, Mile das Frutas, Professor Ramos, Robeci da Vassoura, Garcia da Eletrônica, Avelina do Hospital, Claudio do Ligeirinho, Professor Jehorvan, Pró Cristina, Junior do RH, Liro da Farinha, Luiz do Bahia, Marrom da Saúde, Marisete do Beiju, Sargento Joel, Edmundo Cambista, Paulão do Caldeirão, Professor Lucidalvo, Professor Markus, Normando Sindicalista, Rubens da Galinha,  Evan do Padrão, Professor Fabiano, Repórter Bomba, Chupeta Cabeleireiro, Sevilha de 1,99, Zé da Bomba, Ferruge da Prefeitura, Zóio da Lotérica, Lekao das Pipas, Buiú do Mototaxi, Marreta Taxista, O Tomaz da Desentupidora Rola Bosta, Chacrinha da Feira, Careca da Água Mineral, Dico do Bar do Peixe, Zé Doceiro, Babu Pescador, Chico da Funerária (Prefeito) e Luiz Coveiro (Vereador)  ...
    Há os que demonstram SENTIMENTOS PATRIÓTICOS OU GENTÍLICOS: Charles Baiano, Leda Cigana, Cesar Baiano, Bulau da Bahia, Marcos Latino, Baianinho, Alagoano, Angolano,  Paraguai, Moreno do Nordeste, Baiano, Chico Pernambuco...
    Outros, certamente, recebem os epítetos, pelos TRAÇOS FISIONÔMICOS ou CARACTERÍSTICAS PESSOAIS: Deraldão, Sidnei Magal, Zé Curuca, Tonhe Branco, Zé Grande, Raimundo Negão, Rosália Galega, Marrom, Luiz Claudio Cabeça, Nego Eder, Bolinha, Carlinhos Cabeção, Márcio Punk, Juliana Negona, Barba, Bigode, Mario Fofoca, Careca, Vilminha da Cadeira de Rodas, Beiço, Julinho da Muleta, Bigode, Barbudo, Juninho Das Pernas Mecânicas, Lilan Cadeirante...
    Ainda têm os cognomes DESPROVIDOS DE SENTIDO, que às vezes são depreciativos e até mesmo chegam a ser preconceituosos como: Paulo Beca, Erivaldo Xupisco, Mamona do Filme, Denivaldo Chupa Cabra, Motinha, Zerai, Juraci Tainho, Jotaecio Budokan, Ailton Mô, Zé Painha, Welington Paquito, João Bililiu, Jai Peri, Paçok Portela,  Dany Pimentinha, Nourival Panou, Jackson Fane, Bartola, Molly, Wystank, Zé Filé, Danda, Foguinho Solto, Buxexa, Beto Chaparral, Alberto Catatau, Barba Guincho, Bigode Cofibra, Fúh, Adriano Diluído, Babau, Babal, Buda de Babosa, Lunguinha, Badega, Dito Loko, Clô Chapéu Florido, Benga, Presépio, Bigo, Chula, Catraca, Engole, Bordog, Fuleiro, Pura Bucha, Boneco da Colina, Caboco China,  Fogoió, Sulamba, Tepequém, Tumuré, Neblina, Picote, Mucuim Shopa, Socinho, Codó, DDD, Coconho, Porém, Já-já, Xerox, Faca Cega, Bibim, Fiico, Kaboja, Sabuco, Lembrança, Ninguém, Original, Piska Piska, Quem Quem, Adriano666Agenor Bisteka, Psiu Sou Hanário, Ailton Meleca, Chinelo, Catimbó, Tilapa, ...
    Há os que são identificados por nomes de ANIMAIS: Jacaré, Edson Pinguim, Adriano Capivara, Ataíde Canarinho, Galo da Conquista, Marcos Pombo, Waldir Mosquito, Besouro, Gilmar Gambá, Pardal, Pulga, Tubarão, Sapinho, Pata, Zé Piranha, Zebrinha, Bacalhau, Zé Cavalo, Camarão do Salão, Rato Taxista, Falcão, Tigrão, Oncinha,  Cobrinha, Raposão, Abelha, Grilo, Maribondo, Sardinha, Carneiro, Tucunaré, Formigão, Piranha, Papagaio, Sabiá, Cabrito, Pirilampo, Cachorro, Periquito Beleza, Burrego, Lalá Carcará, Marcos Coruja, Pica Pau, Lambari, Frangão, Cabeça de Bagre...
    Para identificar o LOCAL EM QUE RESIDEM: Tuca da Terra Dura, Adelson de Humildes, Gilmar Amorim do George Américo, Pio da Lagoa, Ezequiel do Tomba, Binha de Pé de Serra, Luiz da Feira, Luciano do Nova Esperança, Lula da Rocinha, Juliano de Jaíba, Nadinho do Galhardo, Marcos do Monte, Cacau do Viradouro, Joana da Cerquinha, Dó de Vila, Fumaça do São Joaquim,  Macuxi de Roraima, Maranhão...
    Os que se identificam pela sua RELIGIOSIDADE: Irmão Manoel Estrela, Pastor Mariano, Pastor Leo, Irmão João, Diácono Tio Beto, Pastor Maurício de Almeida, Irmão Vange, Irmão Kel, Pastor Pedro, Pastor Jorge Eduardo, Missionária Leandra Martins, Pastor Luciano Tanan, Irmão Flavio, Irmão Rui, Poeta de Cristo, Oh! Glória, Irmão Bença, Obreiro Edinaldo Caloroso, Tiãozinho da Igreja, Adriano Renovação, Paulo Milagre, Irmão Maninho, Buda, Pastor Jaime, Apóstolo Ebenézer Nunes...
    Os apelidos demonstram também o grau DE PARENTESCO OU DE FAMILIARIDADE ENTRE AS PESSOAS: Israel Filho de Cabral, Gringo de Marinalva, Cesar de Corina, Ivana de Vavá, Isaías de Diogo, Bira de Ribeiro, Jorge de Falcão, Tonha do Bigode, Ana do Zé Sapateiro, Deuza da Padaria da Vó, Bibi de Neneca, Preta de Jucier, Professor Dedé de Fulô, Tetraneto de Zumbi dos Palmares...
    Os VAIDOSOS, desprovidos de modéstia: Francishow, Ron do Povão, Milena de Lúcia Exemplo de Mãe, Margarida Amiga do Povo, Peixe na Humildade, May Simpatia, Neto Dez, Magaly Protetora dos Animais, Bete Fortalece,  Elias Lucio Comendador, Anderson Celebridade, Bruno Bunitão, Mil -1000, Queijinho Mineiro, Cláudia Paixão, Paul das Girls, Amoroso, Josué Topa Tudo , O Vaidoso Novinho, Joacir Esforçado, Alexandre Beleza Creuza, Mauro Shampoo Show, Gegê Lindão,...
    Os considerados atualmente como BULLING: Fininho, Gordurinha, Lalau, Bruno Mingau, Denílson Obama, Vanusa Massarico, Pancadão, Adilson Bolinha, Bolha, Gentil o Colorido, Tiago Dentão, Bucha,  Bulhão, Baixinha, Renato Magro, Adilson Véio, Mendigo, Neli a Loira do Velório, Lampião, Bactéria, Caboco Branco, Cabeção do Gesso, Polaco Pé de Bola, Pé no Chão, Zé Pretinho, Zé Rico, Cabeça do Canta Galo, Elson Pé de Ferro, Manoel Juruna Chico das Éguas, Criatura, Gaguinho da Caçamba, O Padre, Barriga, Gordinho da Padaria, Pedrinho da Semente, Tripa, Sequela, Nanico, Cabelo Duro, Zé da Noite,  Doido, Formiga Preta, Marcos Sem Terra, Kuekão, Zé Coador, Boca Mole,  Testão, Covando Marrom, Escurão do Trator, João Sorrisão, Bosta Quente,  Zezinho Merda, Branca de Neve (homem), Cocô...
    PERSONAGENS DA LITERAUTRA, DOS MEIOS ARTÍSTICOS E TV são trazidos à tona: Tarzan, Tico Tico, Chapolin, Dirce Papai Noel, ET, Walbert Ninja´s, Cascão, Xirra, O Cebolinha, Seu Creissom, Raulseixista, Xuxa, Sílvio Santos, Wanderlei Cardoso, Gibi, Mister Bim, Kojack, Pai Herói,  Bady, Sérgio Mallandro, Chacrinha, Batman, Robin,  Hulk, Seu Madruga, He-Man, ,Regina Pokemon, Ignácio Tim Maia, José Coração Fofão, Tieta do Agreste, Kiko, Gasparzinho,  Professor Pardal, Uga Uga, Shrek, Mulher Pera, Maluco Beleza, Mestre Xaman, Ursinho Puff, Bob Esponja, ....
    SLOGANS: Tá Nervoso Vote Pedroso, Wagner Faz, Borer o Homem de Preto, Capeca - o amigo de todas as horas, Pé na Cova- “Ressuscite seu voto”, Simplesmente Romeu,  Anestor a seu dispor, O Nominando Armando, O povo merece Rola, Leo tá Legal, Maria Severina da Conceição, que virou “Severina Chique-Chique”,   Dito Amigo do Bairro, Dote - Adote o Dote!, Luiz da Proteção Animal, Eliete Lima – Nessa Eu Confio, Grazy Vem Aí, Katia Leite -  A Força da Mulher, Tina Santos ao Caminho da Vitória,  Juntos Somos Mais Fortes, Carminha pela Saúde e o Social, Dr. Essinho – Povo Vota em Povo, Para acabar com o fedor, vote no Cocô...
    Uns recebem a alcunha de ALIMENTOS como frutas, verduras, etc,: Chocolate, Emerson Limonada, Banana, Batata, Caroço, David do Alho, Tapioca. Maisena, Pipoca Azeitona, Morango do Videokê, Rogério Café, Moacy Pé de Mingau, Cheiro Verde, Jiló, Fubá, Lentilha, Tomate, Melão, Biscoito, Sopa, Vatapá, Paçoquinha, Laranja, Berinjela .
    Nesta pesquisa encontrei vários outros apelidos que ultrapassam  o exotismo, como os pejorativos da genitália feminina e masculina, embora são públicos, achei por bem não publicá-los em respeito aos meus leitores.
    O uso destes apelidos, certamente causará grande constrangimento na tribuna das Câmaras de Vereadores, quando os edis usarem esta saudação: “Excelentíssimo Sr. Vereador Bosta Quente” e assim por diante...



Apoio Cultural:



Prefeitura
New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados